Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
2

Vale e Azevedo responde por venda de jogadores (COM FOTOS)

O Tribunal de Lisboa enviou esta terça-feira um requerimento ao Estabelecimento Prisional de Lisboa, para que trate do transporte de Vale e Azevedo para estar no julgamento dia 20 de Novembro.
13 de Novembro de 2012 às 15:03
António Sala e José Capristano foram ouvidos como testemunhas
João Vale e Azevedo aterrou em Lisboa a bordo do voo da TAP 343
José Marchueta, advogado do Sport Lisboa e Benfica
Houve audição de testemunhas nesta terça-feira no Campus da Justiça, em Lisboa
Luiza Cruz, advogada do antigo presidente do Sport Lisboa e Benfica
Ex-presidente do Benfica viajou acompanhado de dois inspectores da PJ
Vale e Azevedo deixou o aeroporto já passava das 19h30
Carro chegou ao Estabelecimento Prisional de Lisboa já de noite
Ex-presidente do Benfica chegou e foi desde logo encaminhado para a prisão
António Sala e José Capristano foram ouvidos como testemunhas
João Vale e Azevedo aterrou em Lisboa a bordo do voo da TAP 343
José Marchueta, advogado do Sport Lisboa e Benfica
Houve audição de testemunhas nesta terça-feira no Campus da Justiça, em Lisboa
Luiza Cruz, advogada do antigo presidente do Sport Lisboa e Benfica
Ex-presidente do Benfica viajou acompanhado de dois inspectores da PJ
Vale e Azevedo deixou o aeroporto já passava das 19h30
Carro chegou ao Estabelecimento Prisional de Lisboa já de noite
Ex-presidente do Benfica chegou e foi desde logo encaminhado para a prisão
António Sala e José Capristano foram ouvidos como testemunhas
João Vale e Azevedo aterrou em Lisboa a bordo do voo da TAP 343
José Marchueta, advogado do Sport Lisboa e Benfica
Houve audição de testemunhas nesta terça-feira no Campus da Justiça, em Lisboa
Luiza Cruz, advogada do antigo presidente do Sport Lisboa e Benfica
Ex-presidente do Benfica viajou acompanhado de dois inspectores da PJ
Vale e Azevedo deixou o aeroporto já passava das 19h30
Carro chegou ao Estabelecimento Prisional de Lisboa já de noite
Ex-presidente do Benfica chegou e foi desde logo encaminhado para a prisão

Mesmo assim, segundo Luísa Cruz, advogada do ex-presidente do Benfica, Vale e Azevedo só falara no final do julgamento onde é acusado de ter ficado com o dinheiro da transferências de quatro jogadores, cerca de 7,5 milhões de euros.

vale e azevedo tribunal. julgamento detido
Ver comentários