Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
6

Vieira do Minho perde ambulância do INEM

A ambulância do INEM que operava em Vieira do Minho vai abandonar o concelho no final deste mês, face à sua "muito reduzida utilização" e à capacidade dos bombeiros locais para prestar o mesmo serviço, foi esta terça-feira divulgado.
26 de Junho de 2012 às 16:17
INEM
INEM FOTO: Direitos Reservados

Fonte do INEM (Instituto Nacional de Emergência Médica) disse à Lusa que aquela ambulância, de suporte básico de vida, registou em 2011 uma média de 1,2 saídas por dia.

A mesma fonte acrescentou que os Bombeiros de Vieira do Minho dispõem de capacidade para assegurar o mesmo serviço, dispondo até de uma ambulância igual à que vai ser retirada.

"Havia uma sobreposição de meios, que impedia a devida rentabilização da capacidade dos bombeiros", sublinhou.

No distrito de Braga, o INEM também está a estudar a eventualidade de retirar as suas ambulâncias de Cabeceiras de Basto (1,2 saídas por dia) e de Celorico de Basto (0,3 saídas por noite), mas, "para já", elas vão manter-se em funcionamento.

Entretanto, a saída da ambulância de Vieira do Minho coincide com a entrada em funcionamento de mais uma na cidade de Braga.

Estas mexidas integram-se na reestruturação da rede de emergência pré-hospitalar que o INEM está a operar em todo o país, para colocar os meios "onde realmente são precisos".

"Não faz sentido estarmos a competir com os bombeiros. O que importa é que as populações fiquem bem servidas, independentemente de quem presta o serviço. E o INEM está a ter esse cuidado na reestruturação em curso", assegurou a fonte.

Os deputados socialistas eleitos por Braga e o coordenador do PS da área da saúde questionaram, na segunda-feira, o Governo sobre a eventual retirada de ambulâncias do INEM dos concelhos de Cabeceiras de Basto, Vieira do Minho e Celorico de Basto, naquele distrito.

Na pergunta ao ministro da Saúde, os deputados recordam que a instalação de ambulâncias em vários concelhos do Norte do país "ocorreu como contrapartida ao encerramento de serviços de saúde, nomeadamente dos Serviços de atendimento Permanente (SAP), e também para prestarem serviços decorrentes das necessidades próprias dos concelhos".

INEM ambulância bombeiros Cabeceiras Celorico Vieira do Minho
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)