Barra Cofina

Correio da Manhã

Tecnologia
8

A segunda vida do robô ‘Spirit’

O jipe-robô ‘Spirit’, que pousou em Marte a 4 de Janeiro de 2004, tinha por objectivo funcionar por pelo menos 90 dias sem problemas, explorando e mandando dados do Planeta Vermelho.
20 de Fevereiro de 2010 às 00:57
Atolado, o ‘Spirit’ torna-se plataforma fixa de observação em Marte
Atolado, o ‘Spirit’ torna-se plataforma fixa de observação em Marte FOTO: direitos reservados

Mas o veículo autónomo rodou 15 quilómetros por mais de cinco anos, tendo feito mais de 133 mil fotografias, que têm ajudado os cientistas a conhecer melhor o planeta vizinho. Ao contrário do seu gémeo ‘Opportunity’, robô que chegou três semanas depois e continua em actividade, o ‘Spirit’ está atolado em areia fina desde 1 de Maio de 2009. Mas quem pensa que seria o fim do explorador marciano engana-se. A NASA desistiu de tentar tirá-lo do banco de areia no qual se encontra – além do mais tem duas das seis rodas emperradas – e decidiu transformá-lo numa plataforma científica estacionária.

Nas próximas semanas, a tarefa do ‘Spirit’ será posicionar-se melhor de modo a poder armazenar mais energia solar e resistir ao próximo Inverno marciano. Durante esse período, deve usar toda e qualquer energia para manter os seus instrumentos em estado de hibernação, sem deixar que as baterias congelem.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)