Barra Cofina

Correio da Manhã

Tecnologia
7

Fruta e legumes ajudam no combate ao Alzheimer

Alimentos ricos em antioxidantes, como a fruta e os legumes frescos, podem ajudar a controlar a morte de células cerebrais que caracteriza doenças neurodegenerativas como Alzheimer, sugere um estudo em que participou uma cientista portuguesa.
24 de Janeiro de 2007 às 00:00
A equipa de investigadores do Brigham and Women’s Hospital, da Universidade de Harvard (Boston), encabeçada por Dora Dias-Santagata, chegou a essa conclusão ao descobrir que o ‘stress oxidativo’, resultante da acumulação de radicais livres, agrava a neurodegenerescência. Em condições normais, o corpo tem capacidade para neutralizar os radicais livres através da produção de antioxidantes. Porém, a poluição e as dietas pouco saudáveis aumentam a exposição aos radicais livres, a que são especialmente sensíveis as células cerebrais – explicou a investigadora.
Estudos anteriores já tinham descoberto sinais de ‘stress oxidativo’ no cérebro de pacientes com doenças neurodegenerativas, como Alzheimer, Parkinson ou Huntington, mas não se sabia se eram causa ou efeito da doença.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)