Barra Cofina

Correio da Manhã

Tecnologia
4

Funcionários do Facebook tinham acesso a milhões de passwords dos utilizadores

Documentos desprotegidos estavam armazenadas palavras-passes de utilizadores da rede social.
21 de Março de 2019 às 16:59
Facebook
Utilizador de redes sociais
Facebook
Facebook
Utilizador de redes sociais
Facebook
Facebook
Utilizador de redes sociais
Facebook

O Facebook admitiu ter armazenado "centenas de milhões" de palavras-passe de utilizadores. Durante anos, centenas de funcionários puderam aceder a documentos desprotegidos onde estavam estas palavras. 

De acordo com o jornalista Brian Krebs, as palavras-passe eram guardadas num ficheiro de texto simples e sem proteção e guardados nos servidores internos da empresa. 

De acordo com uma fonte da rede social, entre 200 e 600 milhões de utilizadores das redes sociais podem ter visto as suas palavras-passe expostas e acessíveis a cerca de 20.000 funcionários da empresa. O Facebook lançou uma investigação interna para tentar perceber a dimensão do problema e ver quantas passwords ficaram expostas e durante quanto tempo. O que se sabe é que havia registos que datavam de 2012.

A empresa confirmou que de facto manteve as palavras-passe em documentos desprotegidos, mas garante que apenas funcionários tiveram acesso a esse arquivo e que ninguém de fora conseguiu ver os mesmos.

Facebook Brian Krebs artes cultura e entretenimento Internet
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)