Barra Cofina

Correio da Manhã

Tecnologia
5

Twitter já apagou mais de 900 mil contas ligadas ao terrorismo

Empresa garante que os seus algoritmos detetam indícios de radicalização.
20 de Setembro de 2017 às 14:29
Twitter
Twitter
Twitter
Twitter
Twitter
Twitter
Twitter
Twitter
Twitter
O Twitter anunciou, esta terça-feira, que apagou quase 300 mil contas ligadas ao terrorismo, durante o primeiro semestre de 2017. No total, a rede social garante já ter exterminado mais de 900 mil contas, desde agosto de 2015 a junho deste ano.

Este número diminuiu consideravelmente em relação ao semestre anterior, o último de 2016. Durante esse período, o Twitter eliminou 376 mil contas suspensas, o que corresponde a mais 20% do que nos primeiros seis meses de 2017.

A empresa garante que 95% das suspensões de contas realizadas se deveram às próprias ferramentas e algoritmos da rede social. 

As redes sociais têm sido um forte veículo da promoção de ações terroristas. Por essa razão, os governos europeus e os EUA têm pressionado as várias plataformas online a combater este tipo de radicalização, eliminando as contas associadas aos seus protagonistas.

Recorde-se que a rede social Twitter já foi acusada várias vezes de não combater de forma adequada o terrorismo. A rede social chegou inclusivamente a ser processada por familiares de vítimas que morreram na sequência de atentados terroristas.
Twitter EUA economia negócios e finanças tecnologias de informação
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)