Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
7

'A RITA JÁ É VENCEDORA'

JúliaViegas, mãe de Rita, uma das nomeadas para sair no domingo diz que o facto da filha estar na “Operação Triunfo”, da RTP, “já é uma grande vitória”. “As nomeações fazem parte do jogo. Alguém tem que sair”, acrescenta.
7 de Março de 2003 às 00:00
A jovem despertou para a música nas Guias de Portugal, tinha então 14 anos, e desde aí nunca mais parou. “Até entrar nas Guias ela sonhava com o ballet, depois descobriu a música. Ela constuma cantar muito em casa, para a família e amigos. Eu gosto muito de a ouvir cantar. A Rita também faz parte de uma banda, os ‘Reinação’”, conta.

Rita interrompeu o curso de fotografia do IADE para participar no concurso. Mas, além de estudar, a jovem trabalha e já fez várias coisas desde vender cosméticos a trabalhar numa cadeia de hamburguers. Os tempos livres ocupa-os a fazer “body board”, a andar de patins em linha e a cantar.

Além dos pais e do irmão também Pedro Rodrigues é um fã incondicional de Rita. É que o fotógrafo de moda namora com a jovem há dois anos e foi ele quem a incentivou a concorrer.

'INDEPENDENTE'

Nádia, é a outra nomeada da “Operação Triunfo”. Os portugueses decidem, domingo, entre ela e Rita para permanecer na escola de arte da RTP.

A jovem, de 19 anos, estuda design industrial e vive sozinha desde os 16 anos. Além de estudar, Nádia também trabalha e já foi empregada de bar e de uma pizzaria.

Contactámos a mãe da jovem que nos disse não poder falar sem autorização da produção do programa.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)