Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
2

Apagão no Norte divide populares

O apagão do sinal analógico de televisão atingiu ontem os distritos de Aveiro, Braga, Guarda, Porto e Vila Real. Mas a migração para a Televisão Digital Terrestre (TDT) não afectou toda a população, apesar de ter havido falhas nos descodificadores, porque o emissor do Monte da Virgem, em Vila Nova de Gaia, continua ligado até 26 de Abril. No total, a mudança terá atingido 3,1 milhões de pessoas.
24 de Fevereiro de 2012 às 01:00
televisão, digital, apagão, norte, populares
televisão, digital, apagão, norte, populares FOTO: Maria João Marques

"É a maior roubalheira de todos os tempos", começou por dizer ao CM José Conceição, 50 anos, de Seixezelo, Vila Nova de Gaia. O homem tem quatro televisões em casa, todas sem TV por cabo, e cedo se preocupou em tratar da mudança para a TDT. "Comprei dois aparelhos [descodificadores normais] num hipermercado e mais outro a um vizinho meu. Paguei para os instalarem. Hoje [ontem] liguei a televisão da sala e estava sem sinal", contou, revoltado.

Conceição Dias, 42 anos, vive em Frazão, Paços de Ferreira, outra das zonas afectadas pelo apagão. Apesar de não ter comprado o descodificador, continuou a ver TV, porque recebe sinal de outro emissor que ainda não foi desligado. "Fala-se muito neste assunto, mas pensei que até Abril podia arranjar uma alternativa. Foi por isso que fiquei descansada e não comprei o aparelho", explicou. "Não tenho canais pagos e devo mesmo ficar sem televisão. Vou ter de pôr TV por cabo", lamentou.

O próximo apagão é a 22 de Março nos Açores e na Madeira. A 26 de Abril, desliga-se a TV analógica no resto do País. n

televisão digital apagão norte populares
Ver comentários