Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
7

BBF: AMIZADE PARA A VIDA

Cláudio Ramos tem a particularidade de se fazer amar ou odiar. Com ele não há meio termo. A sua irreverência e o seu jeito de falar sem papas na língua tanto lhe têm granjeado amigos como inimigos. Ana Paula, sua amiga de muitos anos, só tem elogios a fazer ao apresentador que com ela trabalha na Rádio Renascença de Elvas.
27 de Novembro de 2002 às 00:00
A amizade entre os dois nasceu quando ambos tinham cerca de 11 anos e chegaram ao Alentejo, ele vindo de Angola, ela de Moçambique. O facto de terem nascido e crescido em África uniu-os numa forte amizade que se consolidou nos bancos do liceu e que dura até “ao resto da vida”, garante.

Dessa época, Ana Paula guarda na memória as muitas diabruras e brincadeiras do amigo sempre disposto a fazer rir os colegas. “Ele sempre foi muito divertido e quem está ao pé dele não consegue estar triste. O Cláudio tem aquelas respostas espontâneas que agradam porque saem disparadas, da boca para fora. Além disso, como é muito inteligente, tem um humor refinado”, assegura.

A prestação do apresentador na casa da Venda do Pinheiro e o facto de ser um dos preferidos dos cibernautas do ‘site’ do ‘BB Famosos’, não surpreende a amiga: “Ele está a ser muito natural, brincalhão e amigo, ou seja, o verdadeiro Cláudio, tal como o conheço, e por isso é natural que gostem dele”, salienta Ana Paula, que partilha com Cláudio Ramos um programa de rádio.

“Há cerca de um ano que fazemos o ‘Manhãs da Renascença’, de segunda a sexta-feira, onde divulgamos música portuguesa e temos também espaço para passatempos, concursos, informação e desporto. É um programa elaborado por nós os dois e que nos dá muito gozo”, refere.

Ana Paula foi das primeiras pessoas a saber que o apresentador ia entrar no ‘reality show’. “Ele aceitou o convite porque era um teste a si próprio, já que é uma pessoa muito independente. Basta dizer que vive sozinho desde os 16 anos. Além disso, em termos profissionais, poderão abrir-se algumas portas no futuro”, acrescenta.

Pouco habituado a partilhar os seu espaço com os outros, Cláudio Ramos confessou à amiga que o que mais temia era ter de dividir o quarto e a casa de banho com outras pessoas. “Ele já não estava habituado a viver com tanta gente, apesar de fazer parte de uma família numerosa. Na sua casa tem três casas de banho, embora não tenha nenhuma só para ele”, adianta, acabando com a curiosidade despropositada de muitos.

Para a radialista, a participação do amigo na novela da vida real “vai ajudá-lo de certeza a nível profissional”. “Ele é muito inteligente e sabe muito bem o que quer. É também muito profissional e eu acredito que se vão abrir as portas da televisão, para ele”, diz.

Ana Paula, que sempre que pode vai até à Venda do Pinheiro apoiar o amigo, quer, naturalmente , vê-lo na final do “BB”, de preferência como vencedor. “Claro que eu gostava que ele ganhasse e acho até que isso pode acontecer, já que é um dos favoritos. Mas se não ganhar pelo menos que chegue à final”, conclui.
Ver comentários