Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
3

CMVM questiona independência de CEO da Media Capital

Autoridade afirma que Alves Monteiro nunca poderia ser considerado independente porque tinha ligações ao acionista, Mário Ferreira.
23 de Novembro de 2020 às 16:26
Manuel Alves Monteiro
Manuel Alves Monteiro FOTO: Direitos Reservados
A CMVM terá dúvidas da independência do presidente executivo da Media Capital, que cessou funções há duas semanas, avança esta segunda-feira o jornal Expresso

Para o regulador, o CEO, quando entrou na Media Capital, nunca poderia ter sido classificado como "administrador independente" uma vez que tinha ligação aos acionistas, neste caso Mário Ferreira.

Manuel Alves Monteiro era administrador da Mystic Invest, empresa de Mário Ferreira, antes de entrar para a Media Capital em abril deste ano. Mário Ferreira, dono da Douro Azul, tinha sido parceiro da Cofina (dona do CM) na compra da TVI, operação que falhou. Quando Alves Monteiro entrou no negócio, Mário Ferreira preparava-se para adquirir uma participação na Media Capital à Prisa, sem a Cofina. 

A Media Capital defende-se dizendo que Alves Monteiro entrou para a empresa quando Mário Ferreira ainda não era acionista.
Ver comentários