Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
9

Custos da Media Capital disparam em 2018

TVI justifica gastos com o investimento em programação.
João Bénard Garcia 26 de Fevereiro de 2019 às 01:30
Media Capital detém a TVI, a produtora Plural Entertainment, a rádio Comercial e os sites IOL, entre outros meios
Media Capital
Media Capital detém a TVI, a produtora Plural Entertainment, a rádio Comercial e os sites IOL, entre outros meios
Media Capital
Media Capital detém a TVI, a produtora Plural Entertainment, a rádio Comercial e os sites IOL, entre outros meios
Media Capital
A Media Capital, a dona da TVI, gastou mais 6% no quarto trimestre de 2018 em programação e justificou o aumento de custos com "a aposta em conteúdos de maior valia", lê-se no documento oficial que anuncia os resultados anuais da empresa de comunicação, que esta segunda-feira foi entregue à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

O aumento de custos com programação não se refletiu, porém, num aumento de ganhos com a produção audiovisual, que começou a decair no terceiro trimestre e teve, entre outubro e dezembro, uma acentuada queda homóloga de 14% em relação a 2017.

A Media Capital justifica essa perda de ganhos com a redução da produção audiovisual no final de 2018 e dá uma explicação: "A produção concentrou-se sobretudo nos primeiros nove meses do ano, enquanto que em 2017 o trimestre com maior atividade foi o quarto."

Ainda em comparação com 2017, segundo o mesmo documento entregue na CMVM, a Media Capital gastou em 2018 mais cerca de 4 milhões de euros. Em termos de resultados líquidos o grupo atingiu os 21,6 milhões de euros, o que representa um crescimento de 9% face ao registado em 2017.

O EBITDA foi de 40,2 milhões, semelhante aos de 2017.

PORMENORES
Dívida renegociada
A Media Capital negociou os encargos com juros à banca e conseguiu reduzir a dívida líquida do grupo em 9,6 milhões de euros durante o ano de 2018, passando a dever 85,7 milhões aos credores.

Ganhos e gastos a subir
A dona da TVI conseguiu receitas de 181,8 milhões de euros em 2018 (mais 2% do que em 2017), mas teve gastos operacionais de 141,6 milhões (mais 3% do que no balanço do ano anterior).

Distribuição de dividendos
Os resultados obtidos em 2017 permitiram à administração distribuir, em 2018, 18,6 milhões de euros de dividendos pelos acionistas do grupo de comunicação cotado em Bolsa.
Media Capital TVI EBITDA Comissão do Mercado de Valores Mobiliários CMVM Bolsa
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)