Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
7

Detectados 60 mil

Sessenta mil equipamentos de descodificação (caixas analógicas e digitais) ilícitos foram dectados, sábado, no âmbito de uma acção da TV Cabo no combate à pirataria. Tal iniciativa impediu os prevaricadores de visionar o encontro Benfica-Sporting, transmitido pela Sport TV.
17 de Maio de 2005 às 00:00
TV Cabo não deixou os ‘piratas’ verem o último ‘derby’
TV Cabo não deixou os ‘piratas’ verem o último ‘derby’ FOTO: António Cotrim / Lusa
Para a TV Cabo, o objectivo das acções, com “custos mínimos” para a empresa, não é prejudicar o cliente, mas, sim, pôr cobro à pirataria – colaborando, para o efeito, com a Polícia Judiciária (PJ) –, que lesa não só a TV Cabo, mas toda a indústria do audiovisual.
A medida de sábado foi a terceira empreendida pela operadora. As anteriores decorreram no ano passado, no jogo Inter-Benfica (Sport TV) e na estreia do filme ‘Harry Potter’ (Lusomundo Premium). “Continuar com as acções de dissuasão”, é o que promete fonte da TV Cabo.
Em Abril, recorde-se, a PJ apreendeu cerca de 1300 dispositivos ilegais, na operação ‘Caixa Negra’, desenvolvida em todo o território nacional, incluindo duas ilhas dos Açores. Esta foi a maior apreensão do género, que permitiu constituir 30 cidadãos portugueses como arguidos. A operação envolveu a Secção Central de Investigação da Criminalidade Informática da PJ e a Federação de Editores de Videogramas.
Ver comentários