Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
2

Documentário da Netflix diz que Maddie está viva

Produção defende a tese de que a menor foi raptada por traficantes.
14 de Março de 2019 às 10:11
Maddie McCann
Maddie McCann
Maddie McCann
Maddie McCann
Maddie McCann
Maddie McCann
Raptada, levada por um grupo de traficantes de crianças e ainda viva. O novo documentário da Netflix - produtora de conteúdos audiovisuais para streaming que tem ganho clientes em todo o mundo - tem uma nova teoria sobre o que terá acontecido a Madeleine McCann, a menina inglesa desaparecida no Algarve em 2007, quando tinha quatro anos.

O documentário, que parte de entrevistas e testemunhos de dezenas de pessoas, ouve investigadores privados e polícias que estiveram envolvidos no caso e explora a realidade das redes de tráfico de menores.

A série via ser lançada nos próximos dias, mas alguns media já viram parte dos episódios. O jornal The Sun diz que um dos entrevistados é o polícia inglês Jim Gamble, que é descrito como "o polícia especilizado em crimes infantis de topo no Reino Unido". Este deixa uma nota de esperança sobre o caso: "Acredito absolutamente que, no meu tempo de vida, vamos descobrir o que aconteceu a Madeleine McCann. Devemos ter muita esperança nos avanços na tecnologia. De ano para ano os teste de DNa estão a ficar melhores E o reconhecimento facial também".

Veja o trailer


Os pais de Maddie McCann criticaram a produção da Netflix, recusando-se a participar. "Não vemos como possa ajudar, havendo uma investigação em curso".
Netflix Algarve Madeleine McCann The Sun Reino Unido Jim Gamble questões sociais investigação investigação
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)