Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media

É MAIS DIFÍCIL FAZER RIR

Aos 51 anos, é uma das actrizes mais enérgicas da televisão portuguesa. Mulher de teatro de revista, foi na comédia televisiva que ganhou notoriedade, quase sempre ao lado de Fernando Mendes. Na novela ‘Baía das Mulheres’, na TVI, interpreta o papel de Bernardina Quintino.
28 de Agosto de 2004 às 00:00
Está a gostar da sua participação na novela ‘Baía das Mulheres’? (Maria Luísa, Estremoz)
Estou a gostar imenso porque a minha personagem é muito alegre e tem alguma graça.
Sente-se como o Camilo de Oliveira, “bem pago e bem tratado”? (Isabel Lencastre, Sintra)
Fico muito feliz por ele, que o merece. Eu considero-me mais bem paga que a maior parte dos portugueses, mas também não tenho trabalho o ano inteiro, não tenho subsídio de férias, nem décimo terceiro mês...
O seu talento nasceu consigo ou é fruto de uma longa aprendizagem? (João Abreu, Queluz)
Eu não sei se tenho talento... Ainda hoje me pergunto se faço bem todos os meus papéis. Quando visiono alguns dos meus trabalhos nem sempre gosto do que fiz. Mas a televisão é cada vez mais uma fábrica de representação que nos impede de aperfeiçoar os nossos papéis. Por isso prefiro fazer teatro.
Qual o melhor actor/actriz com quem já contracenou? (Joana Cruz, Peniche)
Não tenho preferências. Já me aconteceu não gostar da interpretação de um colega e, mais tarde, noutro trabalho, ficar surpreendida com o seu desempenho. Há bons actores. Os maus actores não existem.
Prefere a comédia ao drama? (Rui Neves, Lourinhã)
É muito mais difícil fazer rir de uma forma inteligente... Eu sinto-me mais actriz dramática apesar de ser mais vezes convidada para fazer papéis cómicos.
Tem algum animal de estimação? (Ronaldo José, Gondomar)
Nunca tive afinidades com animais e nunca tive nenhum. Porém, nas gravações da ‘Baía das Mulheres’, uma colega ofereceu-me uma gata, a Mel, que é toda branquinha. Ao fim de 15 dias estava cheia de pena da Mel, porque não tinha companhia... Na altura do Euro 2004 arranjei-lhe então um Tuga, um gato preto e branco, menos meigo e menos independente do que a Mel. Aconselho toda a gente e ter um animal em casa e a tratá-lo bem porque, em troca, receberá horas de prazer, apesar da despesa e do trabalho.
Que idade tem? É que raramente uma actriz revela a idade... (Ana Pais, Sesimbra)
Tenho 51 anos. Convivo bem com a minha idade. Seria incapaz de mentir e dizer que tenho menos anos. Mas tenho algum receio porque, hoje em dia, as actrizes são cada vez mais contratadas pela sua imagem do que pelo seu talento.
Qual o seu maior receio? (Luísa Beato, S. Bartolomeu de Messines)
Envelhecer e morrer sem dignidade, porque este País não está preparado para tratar e respeitar os idosos doentes.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)