Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
6

ESCRAVA ISAURA REGRESSA AO ECRÃ

O Brasil prepara-se para ver uma nova 'Escrava Isaura'. Depois do sucesso da primeira versão, exibida na TV Globo há 27 anos, o canal Record está já a gravar uma nova adaptação do livro de Bernardo Guimarães. A novela, que agora será protagonizada pela jovem actriz Bianca Rinaldi, tem data de estreia prevista para o próximo mês de Setembro e os responsáveis afirmam que não se trata de um 'remake' da primeira obra.
23 de Agosto de 2004 às 00:00
Bianca
Bianca FOTO: d.r.
Bianca Rinaldi - a sucessora de Lucélia Santos, que lançou a sua carreira com 'Escrava Isaura' - diz estar a viver um sonho com este trabalho.
"Este foi o melhor presente do ano. Não esperava, nem sabia que a Record estava a fazer uma nova versão de 'Escrava Isaura'. Estou amando, nunca tinha feito novela de época e é algo que sempre quis fazer", afirma a actriz, que é uma aposta do realizador da novela, Herval Rossano.
Bianca refere ainda que não está preocupada com as inevitáveis comparações com Lucélia Santos. "As comparações acontecerão. A Lucélia fez o seu trabalho, foi um fenómeno, mas agora é outra coisa e eu não estou preocupada com isso", diz, acrescentando: "Se o Herval me escolheu é porque confia no meu trabalho e acredita que eu sou a 'Isaura' que ele gostaria".
O realizador defende que a novela - que conta ainda com a participação dos actores Patrícia França, Rubens de Falco, Mayara Magri, Rodrigo Zanardi e Leopoldo Pacheco, entre outros - não será um 'remake' da apresentada há 27 anos. "Estou a fazer uma nova versão do livro 'A Escrava Isaura', de Bernardo Guimarães. Tenho três escritores a trabalhar no texto, que não tem nenhuma relação com o que Gilberto Braga fez há duas décadas", conclui Rossano.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)