Estado admite apoio à Eurovisão em Portugal

Ministro da Cultura, Luís Filipe Castro Mendes, comentou assunto em Bruxelas.
Por Lusa|23.05.17

O ministro da Cultura comentou esta terça-feira, em Bruxelas, que a organização do Festival Eurovisão da Canção no próximo ano, em Portugal, "vai requerer a participação de muitas instâncias" e afirmou que "é evidente que o Estado apoia".

Em declarações aos jornalistas à margem de uma reunião de ministros da Cultura da União Europeia, Luís Filipe Castro Mendes escusou-se a falar em verbas e eventuais reforços orçamentais com vista à celebração do festival em Portugal, em 2018, lembrando que "a organização do festival é da responsabilidade da RTP, e a RTP é uma empresa publica, 100% detida pelo Estado".

"Por outro lado, também é claro que a organização de um festival da dimensão do festival da eurovisão vai requerer a participação de muitas instâncias privadas, locais, autárquicas... Portanto, é evidente que o Estado apoia", afirmou.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!