Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
4

ESTAVA ACABADO QUASE MORTO

O actor brasileiro Norton Nascimento, de 42 anos, continua a ser acompanhado pela equipa médica que lhe fez o transplante de coração que lhe devolveu a vida, mas já está em casa, junto da família.
8 de Fevereiro de 2004 às 00:00
O actor poderá retomar a sua vida normal dentro de seis meses
O actor poderá retomar a sua vida normal dentro de seis meses FOTO: d.r.
Antes de deixar o Hospital da Beneficência Portuguesa, em São Paulo, onde esteve internado 52 longos dias, o conhecido actor reuniu-se com os jornalistas e, visivelmente feliz, confessou que ainda não acreditava que tinha recuperado a saúde. "Estava acabado, quase morto", salienta.
Num testemunho impressionante, Norton recorda a sua vida antes de se submeter ao transplante: "Eu não conseguia andar cinco passos sem sentir dor. Dormi de joelhos durante dois meses. Não conseguia deitar-me na cama. O pulmão estava cheio de água".
Norton Nascimento, que vimos, entre outras, nas novelas 'Fera Ferida' e 'A Próxima Vítima' (exibidas na SIC), poderá levar uma vida normal dentro de seis meses, e retomar todas as suas actividades mas, até lá, há que seguir à risca as recomendações médicas.
Entretanto, o actor vai estar à frente de uma campanha nacional de doação de órgãos que será lançada, em breve, pela TV Globo. "Estaria morto se não fosse a doação. A naturalidade com que recebi o coração deve ser a mesma na hora de doar. É preciso ter essa consciencialização. Doar é amar", salienta.
Cheio de planos para o futuro, o actor pretende voltar o mais rapidamente possível aos palcos com a peça 'Estações', de Ricardo Hofstetter, e ao cinema, com 'Conspiração do Silêncio'. "A minha vida voltará ao normal", conclui.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)