Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
2

FILIPE SANTOS VIVE PARA A MÚSICA

Filipe Santos nem queria acreditar quando, no decorrer da gala da “Operação Triunfo”, da RTP, Catarina Furtado revelou que ele era fumador. Os pais, na assistência, foram apanhados de surpresa mas a mãe, Lurdes Santos, desdramatiza e confessa que até achou graça à atrapalhação do filho.
20 de Fevereiro de 2003 às 00:00
“Nunca o vimos fumar. Acho que ele deve pegar num cigarro muito de vez em quando, apenas isso. De qualquer maneira, ele já é crescido e sabe o que faz”, refere.

Esta é a primeira vez que o jovem se afasta da família por um período mais longo. “Ele costuma passar uns dias com os amigos mas espero que ele agora fique fora uns quatro meses. Era bom sinal”, salienta esta mãe que já está com saudades do filho único e acredita que tanto ela como o pai lhe vão fazer muita falta dentro da casa da Venda do Pinheiro. “Nós somos muito unidos”, acrescenta.

Lurdes Santos conta que o grande sonho do filho é a música e está feliz por ele ser um dos 16 finalistas. Filipe faz parte de um conjunto, o FH, do Entroncamento, onde é o vocalista. “Já o vi actuar muitas vezes mas nunca para uma plateia de 400 pessoas. Foi emocionante”, adianta.

Mas o jovem não é um novato nestas andanças televisivas, pois foi um dos finalista do último “Chuva de Estrelas”, transmitido pela SIC, onde imitou Nek com a canção “Laura Non C’e”.

Estudante do 2.º ano da Escola de Educação de Torres Vedras, Filipe deu aulas a crianças num Atelier de Tempos Livres (ATL) e, segundo a mãe, foi “uma experiência muito enriquecedora e gratificante para ele, apesar de curta”.

Filipe, que na gala interpretou “Back To You”, de Brian Adams, não disse aos pais que ia concorrer à “Operação Triunfo” e só quando foi chamado decidiu contar a boa nova.
Ver comentários