Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
8

Flash com novo visual

A centésima edição da ‘Flash’, do grupo Cofina, marca um ponto de viragem. A revista, que ainda não tem dois anos de publicação, sofreu uma grande remodelação e está mais agradável à vista e à leitura.
3 de Maio de 2005 às 00:00
“Nós apostámos neste número 100 como uma viragem. Sentimos que o grafismo não estava a acompanhar as necessidades da revista, mesmo em termos de informação e do que queríamos transmitir. Editorialmente mantemos o mesmo estilo, temos é uma outra forma de trabalhar os textos de maneira a torná-los mais apelativos”, adianta Júlia Santos, directora da ‘Flash’
De acordo com a responsável pela revista, hoje em dia, as pessoas não querem ler, querem resumos. “Daí maiores imagens, tanto gráfica como fotográfica, textos mais sucintos, mais concretos, mais directos e níveis de leitura com destaques, caixas, agendas que permitam ao leitor olhar e ver imediatamente o que se trata. Numa segunda fase lê então as matérias que mais lhe interessam”, explica.
A revista surge agora com um código de cores que diferenciam os vários temas. “Temos três cores base. O verde para os focos de tudo o que remete para as entrevistas de carácter social, quer sejam nacionais ou internacionais. O encarnado escuro para as matérias e para as secções que são da nossa linha editorial e para os exclusivos. E o azul para a realeza. Existe ainda uma quarta cor, ameixa, para as entrevistas com produção”, acrescenta. A ‘Flash’ apresenta agora toda a informação de carácter prático numa espécie de caderno. “Aí aparecem as secções de beleza, decoração, moda e o roteiro com destaques de programas de televisão e informações sobre restaurantes, discos, exposições, teatros, etc.. E contamos também a partir deste número com a colaboração de Rita Ferro que é uma mulher com uma visão muito positiva da vida”, conclui.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)