Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
2

Greve ameaça postos de trabalho

A greve dos argumentistas norte-americanos, que começou na segunda-feira, continua a provocar baixas. Ontem foi a vez de a FOX anunciar o cancelamento da produção de ‘24’ e da ABC admitir que a próxima temporada de ‘Lost – Perdidos’ será reduzida para apenas oito dos 18 episódios inicialmente previstos, por falta de argumentos finalizados.
9 de Novembro de 2007 às 00:00
Argumentistas em greve
Argumentistas em greve FOTO: Justin Lane/Epa
Simultaneamente, a 20th Century FOX começou a enviar cartas de suspensão aos argumentistas contratados, juntando--se assim à CBS, ABC e Universal.
À greve dos argumentistas – que exigem às estações parte do lucro obtido com a venda de conteúdos televisivos em DVD e através da internet – têm-se juntado muitos actores e apresentadores. Depois de Jay Leno e Eva Longoria terem distribuído donuts e pizzas aos grevistas e de o elenco de ‘The Office’ se recusar a furar o piquete de greve para gravar mais um episódio, ontem foi a vez dos protagonistas de ‘Anatomia de Grey’ se juntarem aos manifestantes.
Os protestos chegaram também a Nova Orleãs e aos estúdios da Disney em Burbank, Califórnia, onde os criadores de ‘Betty, a Feia’, ‘Lost – Perdidos’ e ‘Lei e Ordem’ se manifestaram.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)