Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
5

Investe 9 milhões em equipamento

Em audição parlamentar, Alberto da Ponte, presidente do grupo público, falou das divergências com o Governo sobre o novo contrato de concessão.
Sónia Dias 18 de Setembro de 2014 às 15:11
Alberto da Ponte, presidente da RTP, esteve ontem na Comissão Parlamentar de Ética
Alberto da Ponte, presidente da RTP, esteve ontem na Comissão Parlamentar de Ética FOTO: Tiago Petinga / Lusa

A RTP prevê investir nove milhões de euros em equipamento – móvel e de continuidade – ao longo de 2014. "Houve uma redução de investimento em 2013, mas este ano já investimos o dobro do que no ano passado e, até dezembro, vamos investir o quádruplo", adiantou o presidente do grupo público, ontem no Parlamento.

Questionado sobre o orçamento da RTP para 2014, Alberto da Ponte não pôs de parte a hipótese de mais rescisões. "Para haver equilíbrio financeiro na empresa no futuro, os gastos com pessoal não podem ultrapassar 60/62 milhões de euros", adiantou. Tendo em conta que em 2013 a estação gastou 80,7 milhões, ainda terá de reduzir cerca de 20 milhões nesta área. Já os custos de grelha devem ficar nos 87 milhões, menos 2,5 milhões do que o orçamentado. O presidente da RTP disse ainda que as receitas globais previstas de 200,1 milhões deverão converter-se em 209,6 milhões.

Sobre o novo contrato de concessão, que ainda não foi assinado, Alberto da Ponte referiu a "falta de acordo nas projeções financeiras" entre o conselho de administração da RTP e a tutela. "Entregámos proposta de financiamento de 45 milhões, mas o Governo disse-nos que, neste momento, só é possível 26,5 milhões. Por isso, ou se aumentam receitas ou se corta nas despesas, ou ambas." 

RTP Alberto da Ponte Governo política orçamento do estado e impostos
Ver comentários