Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
6

Joel em Os Serranos

O jovem que despoletou o escândalo sexual da Casa Pia, ‘Joel’, tem uma pequena participação na série ‘Os Serranos’ da TVI. O aluno é figurante na ‘sitcom’ dos domingos à noite da Quatro, facto que preocupa o seu advogado no processo, Adelino Granja.
5 de Setembro de 2005 às 00:00
Aliás, Granja esclareceu ao Correio da Manhã desconhecer a participação televisiva de ‘Joel’ e que, agora, vai aconselhá-lo a suspender a ‘carreira’.
‘Joel’, à semelhança das restantes vítimas do processo Casa Pia, tem direito à protecção de imagem. Ou seja, o seu nome, rosto e voz devem ser distorcidos ou modificados pelos media para assegurar que o jovem não seja identificado pelo público. ‘Joel’ já tinha feito uma aparição televisiva, quando foi convidado para falar no ‘Prós e Contras’ (RTP1), dedicado ao processo, situação que gerou grande polémica na altura. Agora, aventurou-se nas lides televisivas, colocando-se sob os holofotes da produtora Fealmar.
Contactado pelo CM, ‘Joel’ confirmou ser figurante na popular série da TVI, mostrando-se ainda ciente e preocupado de que a sua exposição televisiva poderá levar a que o público o identifique.
Já o advogado que representa o jovem no polémico processo Casa Pia, Adelino Granja, garantiu não ter conhecimento de que ‘Joel’, voluntariamente, se esteja a expor na televisão. “Não sabia que ele está a participar na série, pública, emitida por um canal de televisão”, começou por afirmar ao CM. Embora, tal como ‘Joel’, se manifeste preocupado com as consequências que poderão advir da visibilidade, o advogado ressalva que o rosto do jovem continua mantido em segredo. “A não ser que alguém que o conheça, o identifique”, sublinhou.
No entanto, a situação é delicada e o advogado adiantou que irá contactar ‘Joel’, para ter uma longa conversa, no sentido de que o jovem se “resguarde” dos olhares e curiosidade pública. “As pessoas são livres de fazer o que querem”, frisou o advogado. No entanto, caso o jovem o tivesse questionado antes de aceitar a figuração na série, Granja não teria dúvidas quanto à resposta: “Tê-lo-ia aconselhado a não participar”, disse.
SÉRIE IMPORTADA DE ESPANHA
'Os Serranos’ são uma adaptação da série espanhola com o mesmo nome. Criada por Daniel Écija e Alex Pina, a ‘sitcom’ conta a história de dois antigos namorados que se reencontram muitos anos depois e decidem casar. António Serrano (Marcantónio Del Carlo) e Sara Lagoa (Rita Lello) foram namorados na adolescência, mas seguiram rumos opostos quando ela foi estudar para Coimbra e ele ficou em Lisboa. António casou, teve três filhos que educou sob todo o tipo de valores machistas quando a mulher faleceu. Já Sara casou com um rico empresário, relacionamento do qual nasceram duas filhas. Saturada, divorciou-se, tendo regressado a Lisboa onde reencontrou António. A antiga paixão renasce e decidem casar. Agora, António e Sara lutam para unir numa só família, duas antigas famílias desmembradas.
PERFIL
A 23 de Setembro de 2002, a mãe de ‘Joel’, um aluno da Casa Pia de Lisboa, apresentou uma queixa na Polícia Judiciária e na referida instituição contra o funcionário Carlos Silvino (mais conhecido por Bibi) por abusos sexuais contra o filho. O jovem, agora com 18 anos, afirmou na acusação que ‘Bibi’ o molestou aos 14 anos, a 25 de Agosto de 2001. No dia seguinte à violação, ‘Joel’ contou o sucedido à irmã, que por sua vez, alertaria a mãe, Ana Paula Santos. A 7 de Novembro de 2002, o Ministério Público emitiu um mandado de captura contra ‘Bib’i e, duas semanas mais tarde, deu-se o pontapé inicial de mediatização do caso que envolve nomes sonantes como Carlos Cruz e o ex-embaixador José Ritto. ‘Joel’ chegou a ser defendido por Proença de Carvalho mas incompatibilizou-se com este causídico regressando aos serviços do advogado Adelino Granja.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)