Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
7

Lusa ganha um milhão com adesão ao PERES

Empresa fechou o exercício passado com um resultado positivo superior a 2,1 milhões.
Hugo Real 17 de Abril de 2017 às 08:31
Sede da agência Lusa
Sede da agência Lusa FOTO: Jorge Godinho
A Agência Lusa recorreu em dezembro ao PERES (Programa Especial de Redução do Endividamento ao Estado), o que lhe "permitiu um benefício de 1 043 021 euros", devido a um "perdão parcial de juros". A informação consta do relatório e contas da empresa detida maioritariamente pelo Estado relativo a 2016. De acordo com este documento, a adesão ao PERES significou um "aumento de 2,6 milhões de euros em dividas a pagar ao Estado [em 36 prestações]".

Apesar de ter recorrido a este programa, a administração da agência noticiosa manteve em tribunal uma ação contra o Estado onde contesta a "legalidade das liquidações de imposto e juros compensatórios, respeitante à não sujeição a IVA" dos subsídios pagos pelo Estado pela prestação de serviço público. Além disso, a Lusa tem mais dois processos em tribunal contra o Estado, num montante global superior a 4,3 milhões.

De referir ainda que a agência noticiosa encerrou o ano transato com um lucro superior a 2,1 milhões de euros, mais do dobro do alcançado em 2015.

As receitas totais atingiram os 16,7 milhões de euros, sendo que a grande fatia (12,9 milhões) se refere à indemnização compensatória paga pelo Estado. Já os custos foram de 14,3 milhões.

De referir ainda que José Carlos Lourenço (em representação da Global Media Group, que detém 23,36% da Lusa) absteve-se e Paulo Saldanha (Impresa, com 22,35%) votou contra o plano de atividades e orçamento para este ano da agência.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)