Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
7

Luta pela vitória também nos ecrãs da televisão

TVI recupera Manuela Moura Guedes. SIC aposta em cinco apresentadores. RTP1 mantém trunfos Marcelo e Vitorino.
20 de Janeiro de 2006 às 00:00
Em 9 de Outubro, RTP1, SIC e TVI diferenciaram as respectivas emissões através de grafismos originais
Em 9 de Outubro, RTP1, SIC e TVI diferenciaram as respectivas emissões através de grafismos originais
Os três canais generalistas preparam a cobertura das eleições presidenciais de domingo com extremo cuidado. Desde os apresentadores até aos comentadores, tudo está a ser devidamente preparado. O objectivo é só um, bater a concorrência. Para isso RTP1, SIC e TVI jogam com os melhores profissionais que têm e procuram no rol de comentadores alguém capaz de atrair mais audiências. Destaque para o regresso de Manuela Moura Guedes, ausente desde 16 de Dezembro.
Após as vitórias nas eleições legislativas e autárquicas, a RTP1 mantém os mesmos profissionais na condução do especial ‘Presidenciais 2006’. Aos pivôs José Rodrigues dos Santos, José Alberto Carvalho e Judite de Sousa, juntam-se Marcelo Rebelo de Sousa e António Vitorino nos comentários. A emissão, feita a partir do Edifício Xerox (Lisboa), contará com projecções da Universidade Católica e análise do politólogo Pedro Magalhães. Estão previstos directos a partir de todas as sedes de candidatura. Os resultados oficiais poderão ser consultados em www.rtp.pt/presidenciais.
A SIC, que reúne no estúdio da Edimpresa, em Oeiras, cinco apresentadores, três comentadores e um representante de cada candidatura, promete estar em directo das sedes partidárias e de candidatura. Está prevista ainda a presença de José Miguel Júdice, Helena Roseta, Octávio Teixeira, José António Pinto Ribeiro e Fernando Rosas. Rui Oliveira e Costa explicará as sondagens e as projecções, a cargo da Eurosondagem. Na internet a informação será disponibilizada em ‘maispresidenciais2006.imprensa.pt’.
Na TVI, destacam-se Manuela Moura Guedes e José Carlos Castro. Miguel Sousa Tavares e Constança Cunha e Sá serão os comentadores de serviço. A eles juntam-se António Borges, Maria José Nogueira Pinto, Ana Drago, Inês Pedrosa, Augusto Santos Silva e Ruben de Carvalho. Em conjunto com a Intercampus, a TVI promete avançar com uma das maiores projecções de sempre: uma sondagem, à boca das urnas, feita a mais de 30 mil eleitores.
RTP1: EQUIPA VENCEDORA MANTÉM-SE
OS COMENTADORES
Depois de ter vencido as audiências nas eleições autárquicas e legislativas de 2005, a RTP volta a juntar as mesmas caras. Os pesos-pesados do canal público terão a companhia de António Vitorino e de Marcelo Rebelo de Sousa, duas das figuras que, nestas alturas, mais atenções atraem.
PIVÔS
- José Alberto Carvalho
- José Rodrigues dos Santos
- Judite de Sousa
COMENTADORES
- António Vitorino
- Marcelo Rebelo de Sousa
SIC: CARNAXIDE REFORÇA ELENCO
APOSTA NOS PIVÔS
Aos dois apresentadores habituais juntam-se Ana Lourenço, João Adelino Faria e Ricardo Costa. Três elementos da ‘Quadratura do Círculo’ farão a análise.
PIVÔS
- Rodrigo Guedes de Carvalho
- Ana Lourenço
- João Adelino Faria
- Ricardo Costa
- Clara de Sousa
COMENTADORES
- Jorge Coelho
- Pacheco Pereira
- Lobo Xavier
TVI: INFORMAÇÃO COM OS ROSTOS DA CASA
MANUELA REGRESSA AO ECRÃ
Manuela Moura Guedes estará de volta à antena da TVI, que deixou a 16 de Dezembro. A seu lado estará José Carlos Castro. O objectivo é regressar ao primeiro lugar das audiências em noite eleitoral.
PIVÔS
- José Carlos Castro
- Manuela Moura Guedes
A DUPLA DE SEMPRE
Constança Cunha e Sá, editora de política da TVI, junta-se ao comentador de serviço da estação de Queluz, Miguel Sousa Tavares, para analisar e comentar as projecções e os resultados das eleições presidenciais.
COMENTADORES
- Miguel Sousa Tavares
- Constança Cunha e Sá
DOMINGO 22 - INÍCIO DAS EMISSÕES: 19 HORAS
PRIMEIRAS PROJECÇÕES: 20 HORAS

AUDIÊNCIAS DOS ESPECIAIS ELEIÇÕES 2005
LEGISLATIVAS (20 FEVEREIRO DE 2005)
A RTP1 foi a estação que mais público captou nas noites eleitorais.
RTP1 - 36% de share
TVI - 27,8% de share
SIC - 21,4% de share
AUTÁRQUICAS (09 OUTUBRO DE 2005)
RTP1 - 33,2% de share
TVI - 29,1% de share
SIC - 21,1% de share
ANTÓNIO VITORINO E MARCELO REBELO DE SOUSA
Comentadores atraem público. A participação de Marcelo na RTP1 nas eleições legislativas de 20 de Fevereiro de 2005, depois de ter saído da TVI, foi considerado o grande trunfo de audiências da estação
VITÓRIA QUEBRA ABSTINÊNCIA
A emissão ‘Legislativas 2005’ deu a primeira liderança à RTP numa noite eleitoral em dez anos. Além disso, foi substancial a diferença de share em relação aos dois outros canais generalistas, o que reforçou o feito da televisão pública.
TELEVISÃO PÚBLICA BISA
A TVI adiantou-se às demais na divulgação de um número significativo de previsões de resultados. Apesar do apagão informático que deixou a RTP1 e a SIC em estado de letargia informativa, a estação de Moniz não conseguiu vencer.
ELEIÇÕES NAS RÁDIOS
ANTENA 1 MOBILIZA VINTE REPÓRTERES
Conduzida por Ricardo Alexandre, a emissão especial começa às 18 horas e nela participam duas dezenas de repórteres. Carlos Magno, Raul Vaz e Teresa de Sousa fazem os comentários.
TSF PRIVILEGIA COMENTÁRIO
A partir das 19h00, Paulo Lopes Guerra dirige a emissão, em que participam os comentadores Eduardo Dâmaso, José Leite Pereira, José António Teixeira e Inês Serra Lopes.
RENASCENÇA DÁ VOZ A GRANDE DEBATE
Miguel Coelho conduz a emissão que começa às 19 horas. Às his-tórias do dia eleitoral sucedem-se previsões e comentários. Às 21h00, o debate entre Manuela Ferreira Leite e João Cravinho.
PULIDO VALENTE REFORÇA RCP
Luís Osório apresenta o especial que se inicia às 19h00 e em que Vasco Pulido Valente participa como analista. Seis repórteres fazem directos das sedes das candidaturas.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)