Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
1

Maiores executivos dos media levam 305 milhões em prémios

Em 2013, presidentes dos maiores grupos de comunicação norte-americanos receberam mais 15,6% em recompensas do que em 2012.
16 de Maio de 2014 às 14:30
Sumner Redstone, da Viacom
Sumner Redstone, da Viacom FOTO: Elise Amendola/AP Photo

No ano passado, os dez responsáveis de grupos de media dos EUA que mais receberam em prémios levaram para casa um total de 420 milhões de dólares (mais de 305 milhões de euros), de acordo com uma lista divulgada pelo Deadline Hollywood. Uma subida de 15,6% em comparação com 2012. Em média, cada um dos 30 executivos que lideram a lista de compensações recebeu 32,5 milhões de dólares (23,6 milhões de euros), mais 8,3% que no ano anterior.

Sumner Redstone, presidente executivo da Viacom (que detém a Paramount Pictures, Nickelodeon e MTV, entre outros) e da CBS, foi o mais recompensado, com um prémio de 93,4 milhões de dólares (67,9 milhões de euros). O gestor, de 90 anos, recebeu 80,5% mais do que no ano transato.

Na segunda posição segue outro presidente da CBS, Les Moonve, que ganhou 66,9 milhões de dólares (48,6 milhões de euros), uma subida de 7,7%. Depois, Philippe Dauman, presidente da Viacom, que arrecadou 37,2 milhões de dólares (27 milhões de euros). Bob Iger, presidente da Disney (24,9 milhões de euros), David Zaslav, presidente da Discovery Communications (24,2 milhões), Jeffrey Bewkes, presidente da Time Warner (23,6 milhões), Brian Roberts, presidente da Comcast, que detém a NBCUniversal (22,8 milhões), Stephen Burke, presidente da NBCUniversal (22,6 milhões), Chris Albrecht, presidente do Starz (22,2 milhões) e Thomas Dooley, administrador da Viacom (21,1 milhões de euros) completam a lista dos dez gestores que mais receberam em prémios nos media norte-americanos.

Media Prémios Compensações Estados Unidos
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)