Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
5

MAIS UMA DETENÇÃO NO CASO DO VÍRUS BLASTER

As investigações da justiça norte-americana, no âmbito da propagação do vírus informático Blaster, que gerou a infecção de milhares de computadores em todo o mundo, resultou na detenção de mais um jovem.
27 de Setembro de 2003 às 14:52
John McKay, procurador federal de Seattle, anunciou este sábado, através de comunicado, a detenção de um adolescente “por ligação à difusão de uma variante do vírus Blaster”. O mesmo documento explica que a identidade do suspeito não foi revelada por este ter menos de 18 anos.
As investigações sobre a difusão do vírus Blaster decorrem no estado de Washington, onde se localiza a sede da Microsoft, um dos principais alvos dos hackers responsáveis por esta infecção.
A primeira detenção no âmbito deste caso ocorreu no final de Agosto. Jeffrey Lee Parson, um norte-americano de 18 anos, foi acusado de ter propagada uma variante deste vírus, permanecendo em prisão domiciliária. O jovem incorre numa pena de 10 anos de prisão e numa multa que pode chegar aos 250 mil euros.
O vírus Blaster, também conhecido como Lovsan, que se propagou a uma velocidade sem precedentes a partir de 12 de Maio, infectou pelo menos sete mil computadores de utilizadores individuais de Internet, segundo peritos do FBI envolvidos nas investigações.
Recorde-se que o Blaster, que explorou uma falha no sistema operativo Windows, foi transmitido via Internet, ao contrário dos vulgares vírus que chegam por e-mail. Quando infectado o computador era forçado a reiniciar constantemente. Os efeitos desta infecção recaíram, essencialmente, sobre os Estados Unidos, Europa e Ásia.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)