Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
2

‘NEM FEMINISTA NEM ELITISTA’

No canal seis da TV Cabo arranca, hoje, o SIC Mulher. Destinado a mulheres jovens e activas, vai emitir 24 horas por dia, com reposições de programas como ‘O Sexo e a Cidade’ e ‘Modelo e Detective’.
8 de Março de 2003 às 18:31
‘NEM FEMINISTA NEM ELITISTA’
‘NEM FEMINISTA NEM ELITISTA’ FOTO: Direitos Reservados
Hoje, que se comemora o Dia Internacional da Mulher, a SIC inaugura, às 18.00 horas, o canal SIC Mulher. Um canal que, avisa a sua directora, Sofia Carvalho, não será “feminista, nem elitista, nem polémico”.

Ocupando a sexta posição no alinhamento de canais da TV Cabo, a SIC Mulher estreia-se com “Sexto Sentido”, um “talk show” diário, com duas horas de duração, que será apresentado por Rita Stock. A produtora Mafalda Rodrigues e a redactora Catarina Marques completam esta pequena equipa que, de segunda a sexta-feira, vai preparar as rubricas de moda, beleza, saúde e culinária, um pouco à semelhança do que já fez a RTP2, em 1990, com o programa “Eterno Feminino”, apresentado por Teresa Guilherme.

“Sexto Sentido” é, para já, o único programa de produção própria no canal, que emitirá 24 horas por dia. A grelha de programação será depois preenchida com magazines, sitcoms e séries. “Vamos repor séries de grande qualidade e filmes que darão sempre destaque à figura feminina”, explica Sofia Carvalho, anunciando as séries “Sexo e a Cidade”, “Murphy Brown”, “Começar de Novo” e “Modelo e Detective”. “Ficheiros Clínicos”, de Cláudia Borges, e “Sociedade das Belas Artes”, de Bárbara Guimarães, voltam aos ecrãs.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)