Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
5

QUEREM PADRE DE VOLTA

Os ouvintes da missa dominical da RDP Internacional, transmitida dentro do programa “Abraço de Domingo”, estão ressentidos com a decisão da administração em substituir na grelha a homilia emitida em directo às 11h30 pelo padre Delmar Barreiros, da paróquia de St.º Estevão, em Alfama. Agora, para o ar vai o simultâneo com a Antena 1, das 8 às 9 horas, a missa em directo da Igreja de S. João de Brito, em Lisboa.
11 de Maio de 2003 às 00:00
De acordo com fonte da RDP-Internacional “os ouvintes não estão contra a nova missa, só que a acham muito formal e tradicional. O padre Delmar era interactivo e tinha uma ligação profunda com os emigrantes. Sabia os nomes de muitos deles”.
“A verdade é que os ouvintes não param de telefonar a pedir explicações para esta mudança”, confirmou.
Há mais de 12 anos que o padre Delmar Barreiros entrava todos os domingos na casa dos portugueses espalhados pelo mundo via RDP Internacional.
PADRE PECULIAR
Muito popular entre os ouvintes e atento à realidade da emigração portuguesa nos quatro cantos do globo, o padre Delmar construiu ao longo dos anos uma relação muito próxima com o auditório. Era a ele que recorriam para os baptismos, as confissões e até o chamavam para celebrar grandes missas – 30 a 40 mil portugueses – no norte de França perto de Estrasburgo.
O CM falou com Delmar Barreiros, que confirma a sua relação com os ouvintes: “Nos Açores, as populações levam os rádios para a Igreja e até me apelidaram de o ‘padre rádio’. Lá fora, os ouvintes viam a missa da RTP Internacional na TV, tiravam-lhe o som e ouviam-me pela rádio”.
A reacção dos ouvintes não o surpreende: “Eu sosseguei-os porque disse que ia tentar estar na rádio duas vezes por semana para conversar com eles”. Só que, apesar dos apelos, ainda não chegou a um acordo com a direcção da antena: “A RDP Internacional pediu-me para o fazer, mas até agora ainda não me chamaram”.
Quando retiraram a missa do ar não lhe deram qualquer explicação específica, mas o padre supõe ter-se tratado de “ ajustamentos à nova filosofia da rádio pública”.
Daqui a oito dias, Delmar Barreiros parte para França onde preside às festas de Nossa Senhora de Fátima e espera encontrar muitos dos seus ouvintes.
PASSAR A MENSAGEM
Maria do Céu Campo é portuguesa e está na Alemanha há 28 anos. Desde que instalou a parabólica tornou-se ouvinte fiel da RDP Internacional. Trabalha numa firma de engenharia da indústria automóvel e confidenciou ao CM “ter sido uma péssima ideia substituir a missa”.
“O padre Delmar tem um jeito popular de passar a mensagem. Ao celebrar a missa ele conversa connosco, não nos massacra com moral. Gosto da sua forma de comunicar e falar porque não preciso de estar em sentido. Ele cria uma empatia com os ouvintes que é como se estivesse na nossa casa, sentado à nossa mesa, no seio da nossa família”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)