Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
5

RTP ‘dá’ mais 2,3 milhões de euros aos trabalhadores

Empresa retira proposta de pagamento faseado e paga reposição de carreiras na integra.
Hugo Real 14 de Dezembro de 2017 às 17:54
RTP
Grupo RTP
RTP
RTP
Grupo RTP
RTP
RTP
Grupo RTP
RTP

A administração da RTP "decidiu retirar a proposta de pagamento faseado" ao longo de dois anos para a reposição de carreiras dos seus trabalhadores, revelou ao CM fonte oficial da empresa.

Isto significa que a partir de janeiro os funcionários do grupo público vão receber na integra os valores previstos no Acordo da Empresa para a reposição das suas carreiras. Esta decisão terá um custo anual de 2,3 milhões de euros. Recorde-se que a RTP queria fazer um pagamento faseado desta reposição, porque considerava que se fosse feito no imediato isso teria um impacto negativo nas contas da empresa para o próximo ano e colocaria em causa a sua sustentabilidade.  

Recorde-se que, tal como CM revelou, a RTP prevê que os gastos com pessoal disparem no próximo ano para os 83,6 milhões de euros, um aumento de 9,7 milhões em relação ao ano passado. No Plano de Atividades da empresa, elaborado em setembro, pode ler-se que tal se deve-se a "encargos decorrentes da reposição salarial, descongelamento das antiguidades" (com um impacto superior a um milhão de euros); "descongelamento de carreiras" (um terço em 2018, com um custo de 825 mil euros), e com a "admissão de trabalhadores resultante da regularização" dos falsos recibos verdes. 

RTP trabalhadores empresa pagamento faseamento carreiras
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)