Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media

Série ‘Squid Game’ leva cinco crianças ao hospital

Alunos do terceiro ano de um colégio francês foram “esmagados e pisados” por colegas mais velhos.
Sónia Dias 24 de Outubro de 2021 às 10:09
‘Squid Game’ é uma série sul-coreana que recria jogos perturbadores e mortais
‘Squid Game’ é uma série sul-coreana que recria jogos perturbadores e mortais FOTO: Noh Juhan
A pesar da polémica e dos alertas, a fama e a curiosidade em torno da série ‘Squid Game’ continuam a crescer e já começaram a fazer vítimas. Cinco estudantes do terceiro ano do colégio de George Sand, em França, tiveram de ser hospitalizados depois de serem “esmagados e pisados” por alunos mais velhos que tentavam recriar um dos jogos da série num corredor sem saída.

Segundo o jornal ‘Le Parisien’, todos acreditavam inicialmente que o incidente não passava de uma brincadeira. Mas quando a polícia começou a investigar o caso percebeu que os jovens se encontravam a imitar a série sul-coreana da Netflix.

A direção do colégio admitiu que a situação “fugiu ao seu controlo”. Dois dos alunos que começaram a brincadeira enfrentam processos disciplinares e um terceiro já terá sido expulso. Os mais novos sofreram ferimentos ligeiros, como entorses, e estão também a ser acompanhados por psicólogos.

Cenas semelhantes repetem-se em escolas na Bélgica, Brasil e Reino Unido - que já proibiu máscaras relacionadas com a série para o Halloween - o que tem levado pais, especialistas e até as autoridades a emitir alertas sobre ‘Squid Game’ que, depois da Netflix, está agora a fazer furor em redes sociais como o TikTok e em plataformas como o YouTube.

E o fenómeno não fica por aqui. Em Espanha, a Funermostra está a fabricar caixões inspirados nas caixas utilizadas na série: pretos e com um laço cor de rosa.
Netflix George Sand França crime lei e justiça questões sociais polícia desporto crime justiça e direitos
Ver comentários