Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
4

Sindicato dos Meios Audiovisuais entrega este mês proposta de aumentos salariais na RTP

SMAV apresentou ainda casos de necessário e urgente reenquadramento, reconversões profissionais, polivalência de funções.
5 de Novembro de 2018 às 14:27
Precários da RTP manifestam-se em frente à sede em Lisboa
Precários da RTP manifestam-se em frente à sede em Lisboa
Precários da RTP manifestam-se em frente à sede em Lisboa
Precários da RTP manifestam-se em frente à sede em Lisboa
Precários da RTP manifestam-se em frente à sede em Lisboa
Precários da RTP manifestam-se em frente à sede em Lisboa
Precários da RTP manifestam-se em frente à sede em Lisboa
Precários da RTP manifestam-se em frente à sede em Lisboa
Precários da RTP manifestam-se em frente à sede em Lisboa
Precários da RTP manifestam-se em frente à sede em Lisboa
Precários da RTP manifestam-se em frente à sede em Lisboa
Precários da RTP manifestam-se em frente à sede em Lisboa
O Sindicato dos Meios Audiovisuais (SMAV) anunciou esta segunda-feira que entregará uma proposta de aumentos salariais para os trabalhadores da RTP, que estão há mais de 10 anos sem aumentos, e de revisão do Acordo de Empresa (AE).

"O Conselho de Administração [CA] da RTP não pode fazer mais pausas nem protelar a resolução profissional do seu quadro ativo", refere a estrutura sindical em comunicado.

Segundo o SMAV, "em 2019, a RTP ultrapassará os 2.000 trabalhadores e com salários ainda mais desajustados da realidade, caso o CA não recomponha os níveis de desenvolvimento às funções e competências, realmente exercidas pelos seus trabalhadores".

A estrutura refere que o SMAV tem participado, ativamente, em todas as reuniões bimensais com os representantes da empresa (CA e direção de recursos humanos), e tem colocado algumas questões, entre as quais o atraso de consultas de medicina do trabalho, a transferência de trabalhadores por concursos e o modelo de carreiras.

Também abordou a questão do parque de estacionamento aberto a todos os colaboradores, devido às más condições de parqueamento no exterior das instalações da sede, no mínimo a partir das 17 horas.

O SMAV apresentou ainda casos de necessário e urgente reenquadramento, reconversões profissionais, polivalência de funções e regimes remuneratórios de horários de trabalho desajustados.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)