Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
7

SOFIA DEIXA EMPREGO PARA VIVER DA MÚSICA

Um automóvel, 25 mil euros na venda do primeiro disco gravado em Abbey Road - os míticos estúdios londrinos onde os Beatles gravaram os seus álbuns - e concertos no estrangeiro, principalmente nos países de expressão portuguesa, são o resultado de mais de três meses na "Operação Triunfo", em que Sofia se sagrou a grande vencedora.
3 de Junho de 2003 às 00:00
Sofia não contava com a vitória
Sofia não contava com a vitória FOTO: Jorge Paula
Confessando-se bastante calma nesta última gala, Sofia, que sempre acreditou que podia ser uma das finalistas, tem uma enorme vontade de cantar e aprender muito mais. "Dantes trabalhava e fazia da música um 'hobby'.
Neste momento, a música é a minha vida", adiantou, referindo que vai despedir-se da empresa onde trabalhava como assistente de compras - Sofia é licenciada em auditoria - e da qual tirou uma licença sem vencimento para participar na "OT".
Sem lágrimas, apenas com muita alegria, a jovem conquistou 35,2% dos votos, uma pontuação renhida com Filipe Gonçalves que arrecadou o segundo lugar - também com direito a um automóvel e 15 mil euros das vendas do primeiro disco - apenas com 1,5% de diferença. Joana ficou-se pela terceira posição, com 31,1%.
"Não contava com a vitória. Aliás, eu e a Joana já tínhamos pedido ao Filipe Gonçalves para nos levar ao estúdio Abbey Road", contou Sofia, logo depois do concurso da RTP1 ter fechado as portas, numa noite em que Catarina Furtado não conteve as lágrimas e chegou a soluçar.
Desconhecendo o que levou os telespectadores a votarem em si, Sofia promete procurar saber a verdade e acredita que foram os seus apoiantes de Cabo Verde quem lhe deu a vitória. "O facto de me apoiarem como se viu na semana passada pode ter sido bom para eu vencer".
Ciente das dificuldades que vai encontrar num "mundo de inferno", como muitos afirmam à boca cheia, a vencedora disse que os professores da "Operação Triunfo" nunca esconderam os obstáculos com que os alunos se vão deparar "Fomos diariamente preparados para dar-lhes a volta".
O grande trunfo de Sofia e companhia é o enorme espírito de camaradagem que contagia todos aqueles que contactam com os 15 alunos.
No domingo à noite, o CM teve oportunidade de fazer uma visita guiada pela escola de música e constatou que são uma boa fonte de energia.
Todos receberam os jornalistas como excelentes anfitriões. Apresentaram a casa, os locais que consideram mais importantes, brincaram, cantaram e, sobretudo, mostraram que ali não há mesmo competição. Há, sim, uma "família" que se descobre a cada dia.
FESTA NA VENDA DO PINHEIRO
O estúdio da Venda do Pinheiro foi ao rubro quando o nome de Sofia foi anunciado como vencedor. A claque de apoio à cantora marcou pela diferença. Antes, durante e depois do programa da RTP1, a música foi o ponto forte, com os famosos SDS - que interpretam o tema "100%Cool" da telenovela "Saber Amar", da TVI - e os Shout a unirem as suas vozes para animar uma grande noite que até teve direito a fogo de artifício. E no final entoaram algumas músicas que Sofia cantou nas galas da "Operação Triunfo".
No meio da festa, Humberto Gonçalves, pai de Filipe Gonçalves, era também um homem feliz. O filho não ficou em primeiro, mas o segundo lugar não é nada desonroso. Agora, espera que o rapaz cumpra o prometido: "acabar o curso". "O importante era que ele conseguisse transformar um ano lectivo perdido num ano ganho", considerou.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)