Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
4

SUCESSO NO PARQUE MAYER

Os actores Oswaldo Louzada, de 91 anos, e Carmen Silva, de 87, que dão vida a "Leopoldo" e "Flora" na telenovela "Mulheres Apaixonadas" (SIC) já fizeram sucesso nos palcos portugueses, mais precisamente em revistas no Parque Mayer, em Lisboa.
11 de Agosto de 2003 às 00:00
Oswaldo Louzada e Carmen Silva fazem sucesso na telenovela Mulheres Apaixonadas
Oswaldo Louzada e Carmen Silva fazem sucesso na telenovela Mulheres Apaixonadas
Louzadinha, como é conhecido entre os colegas de trabalho, contracenou com António Silva, em 1943, e a amizade entre os dois foi tal que o actor brasileiro convidou o português para ser seu padrinho de baptismo, tendo a cerimónia sido celebrada em terras lusas.
Da sua passagem pela capital portuguesa, que durou cerca de uma década, Louzadinha guarda as melhores recordações apesar da ter chegado à Europa em plena segunda Guerra Mundial. O actor passou também por França e Itália e conta que a viagem de navio foi feita completamente às escuras para não serem atacados.
O actor recorda a dificuldade do elenco e dos autores da revista à portuguesa em dar a volta aos textos cortados pela censura.
Também Carmen Silva passou pelo Parque Mayer e pelo teatro de revista. Foi nos anos 50 e a actriz chegou mesmo a cantar alguns fados ao lado de grandes nomes da época. Foi aliás no Parque Mayer que Carmen aprendeu a dar voz ao fado e ainda hoje sabe de cor alguns dos sucessos que interpretou na altura.
PERSONAGENS DE SUCESSO
Numa novela que bateu o recorde de número de personagens da história da teledramaturgia na TV Globo e onde desfilam nomes famosos e uma legião de homens e mulheres jovens e bonitos, os dois actores estão a chamar a atenção e a transformar-se cada dia mais nos grandes destaques de "Mulheres Apaixonadas" pelo seu talento, profissionalismo e carisma.
No início colocados na novela apenas para que o autor, Manoel Carlos, pudesse falar nos problemas da terceira idade, Lousadinha e Carmen, mostraram garra e talento para fazer dos seus personagens dois dos maiores motivos de atenção dos telespectadores e foram muito mais além que o originalmente pensado.
De simples vítimas na família onde a malvada Dóris (Regiane Alves) maltratava sistematicamente os avós ante a passividade dos pais, "Leopoldo" e "Flora" passaram a ser os personagens principais, alavancando com o seu sucesso a importância desse núcleo.
VETERANOS AJUDAM IDOSOS
Oswaldo Louzada e Carmen Silva passaram a ser uma referência para idosos. Os dois actores aproveitam o seu sucesso na telenovela para denunciar problemas relacionados com a terceira idade.
Se na trama de "Mulheres Apaixonadas" "Leopoldo" e "Flora" não se deixam esmorecer pela idade na vida real Louzadinha e Carmen menos ainda. Os dois veteranos não perdem tempo e têm desenvolvido uma activa militância a favor do reconhecimento de direitos dos idosos e da sensibilização de toda a sociedade para a necessidade de respeitar e acarinhar os mais velhos. Chegaram mesmo a ir até Brasília pressionar deputados e senadores para que aprovassem os estatutos dos direitos dos idosos. O documento foi aprovado e já entrou em vigor.
Mostrando um impressionante fôlego Louzadinha e Carmen (que, na verdade, se chama Maria Amália), dividem-se entre as gravações, que chegam a durar doze horas por dia, e uma intensa actividade para realçar o papel importante que os idosos podem ter na vida das suas famílias e do país e de divulgar o trabalho altamente meritório realizado no "Retiro dos Artistas", onde vivem esquecidos homens e mulheres que noutros tempos arrastaram multidões de espectadores.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)