Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
8

TERESA NEGRÃO: O HOMEM IDEAL NÃO EXISTE

Teresa Negrão, que gosta especialmente de fazer circo, actividade em que iniciou a sua carreira artística, está agora a revelar o seu talento na televisão. Na série “O Processo dos Távoras” (RTP1) interpreta um papel de prostituta. Em breve vê-la-emos como “Maria Eduarda”, protagonista de “Lusitana Paixão”, a telenovela que a RTP1 começa a exibir em Fevereiro, escrita por Moita Flores a partir de três obras de Eça de Queirós.
19 de Dezembro de 2002 às 12:53
Quando era pequena queria ser...

Sei lá!

O que a faz rir?

Cócegas.

O que a irrita?

Cócegas em demasia.

Tem medo de...

Que acabe a água durante o chuveiro.

Como vamos de amores?

Bem, muito obrigada.

Quando era criança...

Usava calças.

Ídolo?

O meu pai.

Qualidade?

Muitas, imensas…

Defeito?

Muitos, imensos…

Ponto fraco?

Câmaras.

Indispensável?

Café.

Dispensável?

Melgas e mosquitos.

Viagem de sonho?

Butão.

Grande paixão?

Música.

Homem ideal?

Não existe.

Um homem bonito?

William Daffoe.

O que mais a atrai no sexo oposto?

A barba.

Passaria uma noite romântica com...

(Não respondeu)

Segredo de beleza?

Lavar a cara e lavar os dentes.

Ambição?

Duplo mortal encarpado à retaguarda.

Ódio de estimação?

O meu psicanalista.

Primeiro emprego?

Juiz de ginástica rítmica desportiva.

Filme?

“Quem tem medo de Virgínia Woolf?”, de Mike Nichols.

Música?

“He’s She Weird”, de Pixies.

Máxima de vida?

Respeitar a natureza de cada um e de cada coisa.

TV mais?

Cinema.

TV menos?

Publicidade.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)