Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
4

Tribunal dá razão a Impresa

O Tribunal do Comércio de Lisboa julgou totalmente improcedente a providência cautelar de suspensão de deliberações sociais adoptadas na Assembleia Geral da Impresa realizada a 19 de Abril requerida pela Ongoing, que também é accionista do grupo de Pinto Balsemão.
21 de Dezembro de 2011 às 20:01
Grupo de Nuno Vasconcellos, que controla mais de 23% da Impresa, de Pinto Balsemão, ficou de fora dos órgãos sociais
Grupo de Nuno Vasconcellos, que controla mais de 23% da Impresa, de Pinto Balsemão, ficou de fora dos órgãos sociais FOTO: Filipa Couto

Na reunião, além da aprovação das contas de 2010, foi eleita a administração da dona da SIC para o período 2011/2014.

O grupo de Nuno Vasconcellos, que controla mais de 23% da Impresa, ficou de fora dos órgãos sociais, o que a levou a partir para tribunal.

impresa ongoing processo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)