Barra Cofina
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já

A perigosa relação entre a poluição e as doenças oculares crónicas

Estudo analisou a relação entre diferentes tipos de poluição, da sonora à radioactiva, e problemas de visão. Consequências podem ser irreversíveis.
Por Jéssica Santos e Rosário Mello e Castro 11 de Junho de 2021 às 17:20
Olhos vermelhos
Olhos vermelhos FOTO: Getty Images

Perda de visão, cataratas, conjuntivite e ceratopatia bolhosa estão entre as doenças oculares mais diagnosticadas. Para além de causas comuns, como o envelhecimento, hereditariedade e problemas de saúde, também a poluição também pode estar na origem do aparecimento de doenças oculares crónicas.

Investigadores da Universidade de Gujarat, na Índia, analisaram diferentes estudos científicos para perceber como é que a poluição contribui para o surgimento destas doenças. Os resultados foram publicados na revista médica Journal of Ocular Infection and Inflammation este ano e mostram a influência de diferentes tipos de poluição na visão.  


Poluição sonora 

Exclusivos

Assinatura Digital

Acesso sem limites em todos os dispositivos Assinatura válida na APP Correio da Manhã Newsletters exclusivas E-paper antecipado no Quiosque Ofertas e descontos do Clube CM+
Assine já! 1€ no 1º mês
Relacionadas
Notícias Recomendadas
Bem Estar e Nutrição

Água com gás: saudável ou nem por isso?

Melhora a digestão, pode ajudar a perder peso, e é mais interessante do que a água pura do ponto de vista nutricional, dizem alguns especialistas. Mas nem todos têm a mesma opinião.