Recurso de Manuel Godinho já foi remetido para o Supremo

Outros sete arguidos do processo Face Oculta recorreram para o Tribunal Constitucional.
Por Lusa|15.05.18

O recurso de Manuel Godinho, principal arguido do processo Face Oculta, já foi remetido para o Supremo Tribunal de Justiça, havendo ainda sete arguidos que recorreram para o Tribunal Constitucional, informou esta terça-feira a Procuradoria-Geral Distrital do Porto.

A informação consta de uma nota publicada no site da PGD do Porto a esclarecer a atual situação em que se encontram os recursos relativos aos dez arguidos que foram condenados a penas de prisão efetiva pelo Tribunal da Relação do Porto, onde se incluem o antigo ministro Armando Vara e o ex-presidente da REN José Penedos.

De acordo com a Procuradoria, foi admitido e remetido para o Supremo Tribunal de Justiça (STJ) o recurso de Manuel Godinho relativo ao acórdão da Relação do Porto, que o condenou a 15 anos e dez meses de prisão.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!