Sub-categorias

Notícia

Fernão Pires junta-se ao Arinto

Muitos consumidores compraram o Hugo Mendes 2016 (Lisboa) sem conhecerem o vinho.
Por Edgardo Pacheco|01.09.17
Fernão Pires junta-se ao Arinto
Aqui encontramos notas de tília, nêspera, brisas marinhas e minerais. Muito delicado na boca, tem equilíbrio entre álcool e acidez 15 euros Foto Direitos Reservados
Hugo Mendes é um enólogo com trabalho sério feito a partir da casta Arinto na região de Lisboa. Não é ainda o que poderemos designar por ‘senhor Arinto’ (tipo Anselmo Mendes como o ‘senhor Alvarinho’), mas é um forte candidato.

Nos últimos anos andava encantado com a Fernão Pires, que é a casta branca mais plantada em Portugal, dando vinhos com perfil floral e frutado intenso, ainda por cima a bons preços.

Sucede que não é neste perfil que o enólogo está interessado. O que Hugo Mendes quer é explorar um caráter mais cítrico e mineral da casta, que aparece com o tempo, sendo certo que a associação da Fernão Pires com o Arinto dá vinhos interessantes e inusitados.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!