Transgénero abusa de colegas de cela em cadeia de mulheres

Karen pediu para ir para uma cadeia feminina e guardas prisionais assumiram que já tivesse mudado de sexo.
10.09.18
Karen White, de 52 anos, nasceu homem mas trabalhava como transformista em Manchester, no Reino Unido. O seu nome original é Stephen Wood.

Apesar de nunca ter mudado de sexo, Karen, ou Stephen, assume-se como sendo do género feminino e até para as autoridades alegou ser uma mulher.

Depois de ter sido condenado por três violações e ter sido colocado numa prisão masculina, Karen insistiu para que fosse transferido para uma cadeia só de mulheres, para que pudesse ficar num estabelecimento prisional onde dominasse o género que alegava expressar.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!