Sub-categorias

Notícia

Remodelar é saudável

Octávio Ribeiro

Remodelar é saudável

Falta de avaliação contínua dos ministros é um péssimo sinal.
  • 0
  • 2
Já é preciso recuar mais de vinte anos para encontrar um líder de Governo com a saudável prática de remodelar a sua equipa, sempre que tal se justifique para melhorar as políticas setoriais e a relação com os cidadãos. Com o fim do cavaquismo, chegou também ao fim o sinal de exigência constante do líder do Executivo para com os restantes membros da equipa. Foi com Guterres, a última queda de um ministro por fuga à célebre sisa, que fazia vítimas em todos os governos. O último caso atingiu Murteira Nabo, "castigado" com a passagem para a milionária presidência da PT.

As remodelações governamentais são um sinal de vitalidade e da exigência que deve pautar a administração da coisa pública. Cavaco tinha, na primeira maioria absoluta, Couto dos Santos para a difícil tarefa de avaliar os colegas de Governo. Na segunda, esse papel passou para Marques Mendes.

A falta de avaliação contínua dos ministros é um péssimo sinal dado ao País, em especial à Função Pública. Como pode um órgão que deixa perdurar situações de manifesta incompetência, ou de sólida suspeita sobre comportamentos éticos, exigir que os seus funcionários se comportem de outra forma?

Quem beneficia com a manutenção em funções de ministros enfraquecidos, atarantados, incapazes de prosseguir a boa política nas áreas que lideram? Não é seguramente o País, nem a saúde do regime.

O Governo de António Costa prepara o seu terceiro Orçamento, na estreita faixa deixada entre um mínimo de racionalidade económica e o apoio dos partidos da esquerda. Na bancada do Governo, coexistem ministros de elevada capacidade, garantes da excelência dos quadros do PS e do País, com um punhado de zombies políticos em pastas de charneira para a qualidade da nossa vida coletiva. Por teimosia do líder ou falta de coragem política?

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)