Sub-categorias

Notícia

Palhaço pedófilo é cabeça de cartaz no Coliseu do Porto

David Larible foi condenado por abuso sexual de menina de 14 anos.
Por Silvana Araújo Cunha|08.12.17
David Larible, um palhaço mundialmente famoso, foi detido na Suíça depois de ser acusado de abusar sexualmente de uma fã de 14 anos, em novembro do ano passado. No julgamento, em agosto, foi considerado culpado, expulso do país por cinco anos e multado em 16 mil euros. Apesar da sentença da justiça suíça, o Coliseu do Porto colocou o palhaço, de 60 anos, como cabeça de cartaz no espetáculo anual de circo onde são esperadas centenas de crianças.

De acordo com o processo, divulgado em vários órgãos de comunicação internacional, o caso ocorreu a 24 de outubro de 2016, num quarto de hotel em Zurique. Larible ficou sozinho com a menina, que na altura tinha 14 anos e beijou-a três vezes. "Empurrou a língua para o interior da sua boca, acariciou-a sob a roupa, dando-lhe um beijo no decote, mesmo sabendo que ela era menor de idade", lê-se no processo.

Françoise Stadelmann, a procuradora, disse em tribunal que "o palhaço, que na época desempenhava um papel no grande circo suíço Knie, beijou vigorosamente a vítima e acariciou-lhe as costas", escreveu o ‘Daily Mail’, a 15 de agosto. O jornal britânico adiantou que "Larible negou veementemente o caso no tribunal".

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub