Sub-categorias

Notícia

Batatas fritas são segredo na cura da calvície

Cientistas usam químico das batatas de uma famosa cadeia de restaurantes em experiências.
05.02.18

A cura para a calvície já está à vista e as batatas do McDonald’s estão envolvidas. Não, não é o seu consumo que promove o crescimento expontâneo de cabelo, mas sim um químico usado pelo famoso restaurante dos arcos dourados, que se tem revelado um poderoso aliado em expeiências e testes de laboratório.

Cientistas japoneses conseguiram que crescesse cabelo a ratos usando uma técnica "simples", com recurso a células estaminais. O resultado foram folículos capilares novos que, em poucos dias, produziram novo cabelo. Tudo indica que a técnica usada nos animais funcionará do mesmo modo em humanos.

Esta técnica revolucionária de produção, reprodução e regeneração de folículos capilares em massa só foi possível devido ao dimetilpolissiloxano, agente químico acrescentado às batatas do McDonald’s para que, quando são fritas, não façam espuma no óleo. Este químico foi acrescentado às culturas de folículos capilares.

"É muito permeável ao oxigénio e, por isso, resultou muito bem, permitindo a criação de 5 mil folículos de cabelo simultaneamente", explica o professor Junji Fukuda, da Universidade Nacional de Yokohama, no Japão, onde se desenvolve o estudo.

"É uma técnica muito promissora. O cabelo regenerado tem o ciclo de vida de um cabelo norma. E todos os testes indicam que vai funcionar com células humanas também", garante o cientista. Depois da criação dos folículos capilares, estes são transplantados com recurso a um ‘chip’, que contém cerca de 300 partículas individuais que dão origem a cabelo, conhecidas como ‘germénes de folículo capilar’.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Tecnologia

pub