Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
8

Cinco detidos por tráfico de droga

Foram apreendidos 32 quilos de cocaína.
Lusa 17 de Abril de 2017 às 11:38
Material apreendido pela PJ a traficantes de droga
Material apreendido pela PJ a traficantes de droga
Material apreendido pela PJ a traficantes de droga
Material apreendido pela PJ a traficantes de droga
Material apreendido pela PJ a traficantes de droga
Material apreendido pela PJ a traficantes de droga
Material apreendido pela PJ a traficantes de droga
Material apreendido pela PJ a traficantes de droga
Material apreendido pela PJ a traficantes de droga

A Polícia Judiciária (PJ) apreendeu 32 quilogramas de cocaína e deteve cinco estrangeiros suspeitos de tráfico de estupefacientes, que alegadamente utilizariam Portugal para colocar a droga na Europa, usando contentores com frutas e produtos hortícolas, foi esta segunda-feira anunciado.

Em comunicado, a PJ, através da Diretoria do Norte, refere que as detenções ocorreram no âmbito de uma investigação conjunta com a Guardia Civil espanhola "a um grupo organizado que pretendia fazer entrar na Europa, através de Portugal, grandes quantidades de produtos estupefacientes, utilizando para o efeito o circuito comercial de importação e exportação de fruta e produtos hortícolas".

De acordo com a PJ, os cinco homens suspeitos, dos quais um foi detido em fragrante delito, têm idades compreendidas entre os 38 e os 50 anos.

Para concretizar o seu objetivo, "a organização criou uma empresa em Portugal, que efetuou a importação de contentores frigoríficos com produtos alimentares provindos de um país da América Central, que foram rececionados num armazém arrendado para o efeito e onde, após busca realizada pela PJ, vieram a ser encontrados em fundos falsos, cerca de 32 quilogramas de cocaína", explica a polícia.

A PJ realça ainda que a colaboração da Autoridade Tributária, através da Alfândega do Porto de Leixões, revelou-se "importante" nesta ação.

Os detidos, com as profissões de empresário, comerciante, mecânico, vendedor e um deles desempregado, todos de nacionalidades estrangeiras não reveladas, vão agora ser presentes à competente autoridade judiciária para primeiro interrogatório e aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)