Bombeiros do Minho acionaram meios para queda de avião militar que afinal era simulacro

Força Aérea testou meios em simulação de queda de avião C130, mas bombeiros não sabiam e mobilizaram o socorro.
Por Lusa|25.01.19

Um treino militar, com um Hércules C 130 da Força Aérea Portuguesa, acionou esta sexta-feira meios de socorro a acidentes aeronáuticos de vários corpos de bombeiros e causou "alguma agitação" na população do Alto Minho.

Em declarações à agência Lusa, o primeiro Comandante Operacional Distrital (CODIS) de Viana do Castelo, Marco Domingues adiantou que o exercício "causou alguma agitação nas populações de alguns concelhos como Arcos de Valdevez, Ponte da Barca, Ponte de Lima e Paredes de Coura, com relatos de um avião a sobrevoar a região a muito baixa altitude".

O responsável pela proteção civil no distrito de Viana do Castelo referiu "terem sido acionados os procedimentos próprios de um acidente aeronáutico, entretanto suspensos".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!