Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
3

Cinema domina em vez de traficantes

Favela Complexo do Alemão. O seu nome era sinónimo de tráfico de droga e criminalidade – um dos locais mais perigosos do Rio de Janeiro. Mas algo mudou. No processo de pacificação após a gigantesca operação militar e policial desencadeada há cerca de dois anos, o Complexo do Alemão é hoje uma favela diferente. E a poucos metros onde se vendia droga, existe agora uma sala de cinema que se tornou o orgulho dos mais de 60 mil moradores na favela. Até porque a circulação entre o topo do morro e a zona mais baixa passou a fazer-se com um teleférico que atrai a curiosidade turística.
7 de Outubro de 2012 às 16:42
Segundo Sérgio Sá Leitão, o ‘Cine Carioca’ é a ”sala com mais alta taxa de ocupação de todo o Brasil”
Segundo Sérgio Sá Leitão, o ‘Cine Carioca’ é a ”sala com mais alta taxa de ocupação de todo o Brasil” FOTO: D.R.

São notórias as diferenças de quando visitámos o Complexo do Alemão em 2010, algumas semanas antes da ‘operação de limpeza’ que expulsou os traficantes, acompanhando a exibição pública do documentário ‘Complexo: Universo Paralelo’, dos irmãos Mário e Pedro Patrocínio.

Em vez da venda de droga às claras e a circulação de adolescentes de ambos os sexos armados com metralhadoras AK 47 a tira-colo, vemos espectadores de todas as idades que desfrutam de uma moderna sala de cinema equipada com 3D.

Por isso mesmo, com apenas cerca de uma centena de lugares, o ‘Cine Carioca’ é já um caso sério de sucesso convertendo-se na ”sala com mais alta taxa de ocupação de todo o Brasil”, conforme revelou ao CM Sérgio Sá Leitão, presidente da Rio Filmes, uma distribuidora da Prefeitura da cidade. Com a curiosidade de 91% dos espectadores nunca terem ido ao cinema antes.

“Temos outras salas em construção em favelas e planos para fazer o mesmo na Rocinha e Mangueira. E sempre com a melhor qualidade possível de projecção e conforto”, anunciou o distribuidor. “E o mais curioso é que as bancas que vendiam DVD’s piratas, bem perto do cinema, foram desaparecendo porque nós cobramos sensivelmente o mesmo preço pelos bilhetes do que os DVD’s que vendiam”, concluiu com orgulho.

Talvez por isso, as eleições deste domingo dificilmente deixarão de confirmar a reeleição do Prefeito Eduardo Paes.

Cultura Cinema Cine Carioca cinema na favelas Complexo do Alemão Sérgio Sá Leitão
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)