Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura

Delfins abrem portas

Os Delfins vão abrir as portas do estúdio aos fãs no decurso da gravação do seu novo álbum. A banda de Miguel Ângelo já está a trabalhar no sucessor de ‘Delfins’, lançado o ano passado, e vai protaganizar quatro sessões interactivas com os fãs. Com uma particularidade: as sessões decorrerão no auditório de uma rádio nacional.
2 de Abril de 2008 às 00:30
Quinteto de Cascais tem no próximo disco “um híbrido” ao juntar o passado e o presente
Quinteto de Cascais tem no próximo disco “um híbrido” ao juntar o passado e o presente FOTO: direitos reservados

"Entre os próximos dias 14 e 18 vamos fazer uma minitemporada no Auditório da RFM, em Lisboa. É uma operação ‘lifehouse’ em que vamos transformar o auditório num estúdio, gravar canções novas e, no final de cada um desses dias, abrimos as portas aos fãs", revelou ao CM Miguel Ângelo.

Segundo o músico, estas serão sessões em que se pretende estimular a interactividade com os fãs: "Todos os dias, às 19h00, o auditório vai ser aberto ao público e nesses quatro dias (14 a 17) nós vamos tocar os temas que gravámos nesse mesmo dia, respondemos a perguntas dos fãs e fazemos uma espécie de workshop. Vão ser sessões que pretendem funcionar como um diário de estúdio", revelou.

A minitemporada na RFMculmina dia 18 com outra novidade. "Nesse último dia vamos fazer um espectáculo, que será transmitido em directo pela RFM", disse.

Em breve, oCMvai oferecer entradas para esteespectáculoda banda de Cascais.

ÁLBUM EM OUTUBRO

De acordo com Miguel Ângelo,onovodisco, aindasemtítulo,"vai ser um híbrido". E explicou:"Vai ser um álbum em que vamos reunir temas originais – gravados no auditório da RFM – e outros mais antigos, que serão gravados ao vivo. São temas clássicos dos Delfins que vão ter arranjos novos para a ocasião", explicou.

OsDelfins encontram-se de momento no estúdio 1 Só Céu, em Cascais, a trabalhar nas maquetas das novas canções que serão gravadas na RFM. Ainda segundo Miguel Ângelo, o novo disco deverá chegar ao mercado em Outubro.

O novo registo, o décimo de estúdio da banda de Cascais, é o sucessor de ‘Delfins’, um disco que marcou uma viragem no som da banda, que a própria apelidou de power-pop. Desta feita, porém, Miguel Ângelo promete um regresso à sonoridade pop mais directa, que valeu aos Delfins a enorme popularidade de que gozaram com temas como ‘Um Lugar aoSol’, ‘A Cor Azul’ ou ‘Nasce Selvagem’.

CM OFERECE ENTRADAS DUPLAS

Oespectáculo que os Delfins vão realizar no dia 18 e que será transmitido em directo pela RFM vai contar com leitores do Correio da Manhã (CM) na plateia. Na verdade, em tempo oportuno, o CM vai oferecer cinco entradas duplas aos fãs dos Delfins. Os moldes da oferta serão divulgados muito em breve, por isso convém estar atento às nossas edições. Entretanto, após o ‘lifehouse’ na RFM, os Delfins voltam à estrada para uma digressão que já tem espectáculos marcados até Setembro. No decurso desta tour, o grupo de Miguel Ângelo vai passar por Marrocos (29 de Abril), Valongo (23 Junho), Toronto, Canadá (29 Junho e 1 de Julho), Casino Estoril (17 Julho), Amarante (2 de Agosto), St.ª Maria da Feira (18 Agosto), Lagoa (22 Agosto) e Lousada (6 Setembro).

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)