Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

‘Gripe’ de CR9 gera mal-estar

A ausência de Cristiano Ronaldo, devido a sintomas gripais, do jogo particular de amanhã com o Liechtenstein está a gerar algum mal-estar junto do seio da selecção nacional. Técnicos, jogadores e dirigentes dizem compreender as razões de mais uma falha a um jogo ‘a feijões’ mas internamente comentam o caso.
11 de Agosto de 2009 às 00:30
Ronaldo jogou no domingo à noite nos Estados Unidos
Ronaldo jogou no domingo à noite nos Estados Unidos FOTO: Hyungwon Kang/Reuters

Este clima de tensão foi notório desde a concentração dos atletas, ontem, em Oeiras, cenário que se alongou tarde dentro, inclusive no treino de conjunto da selecção nacional, no Complexo Desportivo do Real Massamá.

O CM sabe que a ausência do mais caro jogador do mundo – que será substituído por Eliseu (Lazio) – foi muito comentada entre os restantes convocados de Queiroz, que se queixam das constantes ‘faltas’ de Ronaldo nas vésperas de jogos particulares. Frente à Estónia, no passado dia 10 de Junho, Ronaldo foi dado como indisponível, tendo viajado para Los Angeles dois dias depois, local onde iniciou as suas férias. Fontes próximas da Selecção admitem mesmo que o "desgaste" a que o internacional português tem sido sujeito desde que chegou ao Real Madrid pode fazer com que Ronaldo e o próprio clube queiram ‘proteger-se’ de eventuais lesões que advenham de um jogo ‘a feijões’.

De acordo com as informações prestadas à Comunicação Social pelo Real Madrid, o jogador encontra-se em casa em repouso absoluto, a ser tratado, depois de no domingo à noite ter actuado 45 minutos na vitória (3-0) dos merengues diante do DC United.

Entretanto, Queiroz voltou ontem a admitir a possível chamada de Liedson aos eleitos da selecção nacional. "Pode ser um contributo importante", frisou Queiroz. Sobre o jogo de amanhã, o técnico diz que se trata de "um ensaio" para os próximos jogos ‘a doer’, admitindo que a base da equipa está "nos 18 jogadores" agora convocados.

QUEIROZ SÓ CONTOU COM DEZ EM MASSAMÁ

Carlos Queiroz contou apenas com dez jogadores no treino que a selecção nacional cumpriu ontem à tarde em Massamá, de preparação para o jogo particular com o Liechtenstein, amanhã, em Vaduz. Eduardo, Moreira, Beto, Miguel, Deco, Moutinho, Duda, Tiago, Hugo Almeida e Simão Sabrosa foram os únicos jogadores que estiveram no relvado do Real Sport Clube.

Bruno Alves, Raul Meireles e Rolando ficaram pelo hotel, a banhos e massagens, depois de na véspera terem ajudado o FC Porto a conquistar a Supertaça diante do P. Ferreira (2-0). O mesmo se aplica a Ricardo Carvalho e a Bosingwa, que contribuíram para o triunfo do Chelsea na Supertaça inglesa, frente ao Man. United. Nani deslocou um ombro nesse mesmo encontro e por isso também não treinou em Massamá.

Pepe também foi poupado depois de ter estado com o Real Madrid em digressão pelo Canadá e Estados Unidos.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)