Paços perde em casa

Num jogo entre duas equipas bem colocadas na tabela classificativa, o Belenenses deu um importante passo na luta por um lugar europeu e derrotou, na Mata Real, o Paços de Ferreira (2-0), que já não perdia no seu estádio para a Liga há mais de um ano – a última derrota tinha acontecido a 27 de Janeiro de 2006, frente ao Boavista (1-0).
19.03.07
  • partilhe
  • 0
  • +
Paços perde em casa
Belenenses fez a festa na Mata Real e ultrapassou o Paços e o Sp. Braga na classificação da Liga Foto Estela Silva, Lusa
No entanto, o Paços não merecia tamanho castigo, pois foi a equipa que mais procurou o golo ao longo da partida, mas pecou em demasia na finalização. No outro lado estava uma equipa talhada para o contra-ataque e quase sempre bem a defender, sendo suficiente para travar as investidas ofensivas pacenses. O Paços procurou o golo desde o apito inicial de Lucílio Baptista e as oportunidades surgiram com alguma insistência junto da baliza de Marco. E nem a infelicidade de João Paulo, que saiu lesionado logo aos 15 minutos, esmoreceu o ataque pacense, pois procurou insistentemente os melhores caminhos para a baliza contrária. O Belenenses nunca alterou a sua forma de jogar, insistindo nas quebras de ritmo do jogo. Aos poucos o ataque pacense foi perdendo fulgor e disso se aproveitou o Belenenses, para, já no período de descontos da 1.ª parte, inaugurar o marcador; uma rápida jogada de contra-ataque culminou com um golo de Cândido Costa, naquele que foi o primeiro remate à baliza de Peçanha.
Na etapa complementar, o Paços continuou a jogar um futebol mais directo à procura do empate, enquanto o Belenenses espreitava os erros defensivos para contra-atacar. E foi assim que Dady deu a machadada final no jogo, ao finalizar com êxito mais uma rápida jogada de contra-ataque.
Até final, a equipa de José Mota ainda tentou amenizar o resultado, mas nunca foi suficientemente serena para o conseguir. Com este resultado, o Belenenses sobe ao quarto lugar, à condição, uma vez que o Sp. Braga só joga amanhã com a Naval.
FICHA DO JOGO
Local: Estádio da Mata Real, em Paços de Ferreira (4.000 espectadores)
Árbitro: Lucílio Baptista (Setúbal)
PAÇOS DE FERREIRA: Peçanha, Mangualde (Mojica, 61m), Geraldo, Luiz Carlos, Antunes, Elias, Pedrinha (Ricardinho, 79m), Fahel, Cristiano, Edson e João Paulo (Renato Queirós, 15m). Treinador: José Mota.
BELENENSES: Marco Gonçalves, Amaral (Carlitos, 80m), Nivaldo, Rolando, Rodrigo Alvim, Sandro Gaúcho, Ruben Amorim, José Pedro (Gaspar, 88m), Silas (Garcês, 72m), Cândido Costa e Dady. Treinador: Jorge Jesus.
Marcador: 0-1, Cândido Costa (45 2m); 0-2, Dady (77m)
Acção disciplinar: cartões amarelos - Amaral (57m), Ruben Amorim (62m), Geraldo (67m) e Fahel (76m)
Melhor jogador: Cândido Costa

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!