Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
8

Jesus ataca árbitro com o passado

Leões alertam para o caso dos ‘vouchers’ de Vítor Pereira.
Mário Figueiredo 2 de Novembro de 2015 às 00:00
Jorge Jesus é advertido por Jorge Ferreira
Jorge Jesus é advertido por Jorge Ferreira FOTO: Paulo Calado
Um vídeo posto a circular este domingo nas redes sociais revela Jorge Jesus a ameaçar o quarto árbitro no jogo com o Estoril (1-0). Nas imagens, vê-se o treinador a travar aceso diálogo com o Daniel Cardoso, sendo-lhe imputadas as seguintes palavras: "Eu conheço-o. Eu sei muita coisa... atenção. Eu sei muitas coisas do ano passado... "

Esta reação de Jorge Jesus ocorreu durante o jogo com o Estoril e quando o resultado ainda estava empatado a zero. Fonte do Sporting, contactada pelo CM, minimizou a situação e alertou para outras questões "bem mais graves". "Todos nós sabemos coisas do passado, mas este vídeo só está a ser valorizado para esconder o escândalo dos órgãos jurisdicionais da Federação Portuguesa de Futebol e do Ministério Público não terem feito o que quer que seja para esclarecer os 112 jantares dos ‘vouchers’ que o Benfica ofereceu aos árbitros. É preciso também não esquecer as acusações feitas pelo ex-árbitro Marco Ferreira sobre os telefonemas de Vítor Pereira [presidente do Conselho de Arbitragem da FPF] antes dos jogos do Benfica. Estas situações é que são graves", disse a fonte leonina.

A nomeação do árbitro Jorge Ferreira gerou polémica em Alvalade e Bruno de Carvalho, presidente leonino, manifestou o descontentamento: "Trata-se do árbitro que, no relatório do jogo do Bessa, sustentou posições flagrantemente contrastantes com as transcritas pelo delegado e que agravou a suspensão de 20 dias de que fui alvo. Uns recebem o castigo de não poder comparecer no campo, outros recebem a distinção de apitar um jogo em Alvalade".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)