Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
7

Layún fica para lucrar milhões

FC Porto exerce opção de compra no valor de 6 milhões de euros.
Nuno Miguel Simas 21 de Maio de 2016 às 09:19
Mexicano Layún, de 27 anos, é um dos 22 jogadores convocados por Peseiro para a final da Taça, amanhã
Mexicano Layún, de 27 anos, é um dos 22 jogadores convocados por Peseiro para a final da Taça, amanhã FOTO: Miguel Barreira
FC Porto comprou Layún em definitivo, num negócio que pode permitir à SAD dos azuis-e-brancos obter um lucro de milhões.

A opção de compra estabelecida pelo Watford para os dragões adquirirem o passe do lateral era de seis milhões de euros – que o FC Porto vai pagar em duas tranches –, e o Correio da Manhã sabe que já há interessados no mexicano, o que pode levar a SAD dos dragões a fazer um bom negócio.

O Real Madrid, por exemplo, tem Layún muito bem referenciado e pode chegar a uma verba perto dos 20 milhões de euros pelo futebolista. Não seria a primeira vez que o FC Porto faria um negócio nestes moldes.

No final da temporada passada, a SAD portista comprou o passe de Casemiro ao Real Madrid por 7,5 milhões de euros e depois, para os ‘merengues’ recomprarem o atleta, tiveram de pagar 15 milhões de euros aos dragões. O médio internacional brasileiro que é agora titular dos vice-campeões espanhóis, deu um lucro de 7,5 milhões de euros ao FC Porto.

Layún deverá ter duas competições ainda no verão que lhe permitirão valorizar-se ainda mais no mercado: a Copa América Centenário e, depois, os Jogos Olímpicos.

O mexicano é um dos 22 jogadores convocados pelo treinador José Peseiro para a final da Taça de Portugal, amanhã, às 17h15, frente ao Sp. Braga. Chidozie poderá ser a surpresa no onze, para formar dupla no eixo da defesa com Marcano, relegando Indi (que deverá sair no final da época) para o banco.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)